ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707 2017 v26n1 r26116p

 

 

 

ARTIGO ORIGINAL

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

Percepção de profissionais da área da saúde sobre a formação em sua atividade docente*

Patrícia Treviso,1 Bartira Ercília Pinheiro da Costa2
1
Doutora em Medicina e Ciências da Saúde. Professora do Centro Universitário Metodista. Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. E-mail: ptreviso15@gmail.com 2Doutora em Biologia Celular e Molecular. Professora da Faculdade de Medicina e do Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. E-mail:bart@pucrs.br

Recebido: 08 de setembro de 2015
Aprovado: 12 de fevereiro de 2016

*Artigo extraído da tese - Percepção de profissionais da área da saúde sobre a formação, atuação e satisfação em sua atividade docente, apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, em 2015

 

 

 

Cómo citar este documento

Treviso, Patrícia; Costa, Bartira Ercília Pinheiro da. Percepção de profissionais da área da saúde sobre a formação em sua atividade docente. Texto Contexto Enferm, ene-mar 2017, 26(1). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2017/26116p.php> Consultado el

Resumo

Objetivo: conhecer a percepção de profissionais da área da saúde sobre a formação em sua atividade docente. Método: estudo exploratório, descritivo, prospectivo, com análise qualitativa. Amostra composta por 85 professores de dez cursos de graduação na área da saúde de uma Instituição de Ensino Superior privada do Estado do Rio Grande do Sul. A coleta dos dados foi realizada em 2014, por meio de questionário via ferramenta Qualtrics. Para o tratamento dos dados, utilizou-se análise de conteúdo. Resultados: o estudo permitiu identificar como os participantes percebem o profissional da saúde: de modo geral, especialista em saúde, estando apto para atuar em suas diferentes áreas, porém carecendo de formação pedagógica para exercer a docência. Constatou, ainda, que esses profissionais buscam desenvolvimento nos aspectos pedagógicos por meio de educação formal, informal e não formal. Conclusão: a atuação docente do profissional de saúde exige habilidades que ultrapassam o conhecimento de conteúdos.
Descritores: Ensino superior/ Educação continuada/ Profissionais da saúde.
 

Resumen
Percepción de profesionales del área de la salud sobre la formación en su actividad docente

Objetivo: conocer la percepción de profesionales del área de la salud sobre la formación en su actividad docente. Método: estudio exploratorio, descriptivo, prospectivo, con análisis cualitativo. Muestra compuesta por 85 profesores de diez cursos de graduación en el área de la salud de una Institución de Enseñanza Superior privada del Estado de Rio Grande do Sul. La recolección de los datos fue realizada en 2014, por medio de cuestionario vía herramienta Qualtrics. Para el tratamiento de los datos, se utilizó análisis de contenido. Resultados: el estudio permitió identificar como los participantes perciben el profesional de la salud: de modo general es percibido como un especialista en salud que está apto para actuar en sus diferentes áreas, pero que carece de formación pedagógica para ejercer la docencia. Se constató aún que esos profesionales buscan el desarrollo en aspectos pedagógicos a través de educación formal, informal y no formal. Conclusión: la actuación docente del profesional de salud exige habilidades que ultrapasan el conocimiento de contenidos.
Descriptores: Educación superior/ Educación continua/ Personal de salud.
 

Abstract
The perception of professionals from the health area regarding their training as lecturers

Objective: to investigate the perception of professionals from the health area regarding training for their teaching practice. Method: it is an exploratory, descriptive, prospective study, with qualitative analysis. The sample was made up of 85 lecturers from 10 undergraduate courses in the area of health, from a private Higher Education Institution in the Brazilian State of Rio Grande do Sul. Data collection was undertaken in 2014, through a questionnaire using the Qualtrics tool. Content analysis was used for analyzing the data. Results: the study made it possible to identify how the participants perceive the health professional: in general, as a health specialist able to work in different areas, but who lacks pedagogical training to undertake teaching. It was observed, furthermore, that these professionals seek development in the pedagogical aspects through formal, informal and non-formal education. Conclusion: the teaching practice of health professionals requires skills that go beyond the simple knowledge of contents.
Descriptors: Education/ Higher education/ Continuing health personnel.
 

Referências

1. Pinto JBT, Pepe AM. A formação do enfermeiro: contradições e desafios à prática pedagógica. Rev Latino-Am Enfermagem [Internet]. 2007 [cited 2015 May 5];15(1):120-6. Available from: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v15n1/pt_v15n1a18.pdf
2. Freire LIF, Fernandez C. O professor universitário novato: tensões, dilemas e aprendizados no início da carreira docente. Ciênc Educ [Internet]. 2015 [cited 2015 May 5]; 21(1):255-72. Available from:
http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v21n1/1516-7313-ciedu-21-01-0255.pdf
3. Rossoni E, Lampert J. Formação de profissionais para o Sistema Único de Saúde e as diretrizes curriculares. Bol Saúde [Internet]. 2004 [cited 2015 May 5]; 18(1):87-98. Available from:
http://www.boletimdasaude.rs.gov.br/download/20140521092044v18n1_09formacaoprof.pdf
4. S h u l m a n , L S . K n o w l e d g e a n d t e a c h i n g : foundations of the new reform. Harvard Edu Rev [Internet]. 1987 [cited 2015 May 5];57(1):1-23. Available from:
http://www.peaunesco.com.br/encontro2013/SHULMAN_Knowledge_and_Teaching_%28HarvardEdReview1987%29.pdf
5. Ministério da Educação (PT) Desenvolvimento profissional de professores para a qualidade e para a equidade da aprendizagem ao longo da vida [página na Internet]. Conferência promovida no âmbito da Presidência Portuguesa do Conselho da União Européia. Lisboa (PT): Ministério da Educação; 2007 [cited 2015 May 8]. Available from:
http://www.eu2007.minedu.pt/np4/27.html
6. Organização das Nações Unidas para a educação, a ciência e a cultura. Declaração mundial sobre educação superior no século XXI: visão e ação [página na Internet]. Paris (FR): UNESCO; 1998 [cited 2015 Mar 8]. Available from:
http://www.direitoshumanos.usp.br/index.php/Direito-a-Educa%C3%A7%C3%A3o/declaracao-mundial-sobre-educacao-superior-noseculo-xxi-visao-e-acao.html
7. Masetto MT. Educação e futuro superior no Brasil. Educ Futuro [Internet]. 2012 [cited 2015 Mar 8]; (27):201-15. Available from: dialnet.unirioja.es/descarga/articulo/4060946.pdf
8. Bardin L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70; 2011.
9. Ministério da Educação (BR). Conselho Nacional de Educação. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Diário Oficial da União [Internet]. 2013 Jun [cited 2015 Mar 10]; 1:59. Available from:
conselho.saude.gov.br/resolucoes/2012/Reso466.pdf
10. Brasil. Lei de Diretrizes e Base da Educação Nacional [página na Internet]. Brasília: Senado Federal; 2005 [cited 2015 Apr 09]. Available from: www.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/70320/65.pdf
11. Houaiss A, Villar, MS, Franco, FMM. Minidicionário Houaiss de Língua Portuguesa. 3ª ed. Rio de Janeiro: Objetiva; 2009.
12. Tardif M. Saberes profissionais dos professores e conhecimentos universitários. Rev Bras Educ [Internet]. 2000 [cited 2015 Apr 09]; 13(5):5-24. Available from: Available from:
anped.org.br/rbe/rbedigital/.../RBDE13_05_MAURICE_TARDIF.pdf
13. Dallacosta FM, Antonello ICF, Lopes MHI. Docência em saúde: breve reflexão sobre a prática profissional. Rev Cient CENSUPEG [Internet]. 2014 [cited 2015 Apr 09]; (3):38-44. Available from:
http://revistacientifica.censupeg.com.br/ojs/index.php/RevistaCientificaCENSUPEG/article/view/157/60
14. Rozendo CA, Casagrande LDR, Schneider JF, Pardini, LC. Uma análise das práticas docentes de professores universitários da área de saúde. Rev Latino-Am [Internet]. Enfermagem. 1999 [cited 2015 Apr 10]; 7(2):15-23. Available from:
www.scielo.br/pdf/rlae/v7n2/13457.pdf
15. Jarauta-Borrasca B, Medina-Moya JL. La formación pedagógica inicial del profesorado universitario: repercusión en las concepciones y prácticas docentes. Magis [Internet]. 2009 [cited 2015 Apr 10]; 1(2):357-70. Available from:
www.redalyc.org/pdf/2810/281021548011.pdf
16. Backes VMS, Moyá JLM, Prado ML. The construction process of pedagogical knowledge among nursing professors. Rev Latino-Am Enfermagem [Internet]. 2011 [cited 2015 Apr 20]; 19(2):421-28. Available from:
http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-11692011000200026&script=sci_arttext
17. Delors J, Al-Mufti I, Amagi I, Carneiro R, Chung F, Bronislaw G, et al. Educação: um tesouro a descobrir. São Paulo: Cortez; 1998.
18. Puentes RV, Aquino OF, Neto A.Q. Profissionalização dos professores: conhecimentos, saberes e competências necessários à docência. Educar [Internet]. 2009 [cited 2015 May 15]; (34):169-84. Available from:
www.scielo.br/pdf/er/n34/10.pdf
19. Santos SC. O processo de ensino-aprendizagem e a relação professor-aluno: aplicação dos "sete princípios para a boa prática na educação de Ensino superior". Cad Pesqui Adm [Internet]. 2001 [cited 2015 May 15]; 8(1):69-82. Available from:
regeusp.com.br/arquivos/v08-1art07.pdf
20. Freire P. Carta de Paulo Freire aos professores. Estud Av [Internet]. 2001 [cited 2015 May 15]; 15(42):259-68. Available from:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142001000200013
21. Pimenta SG. Formação de professores: identidade e saberes da docência. In: Pimenta SG, organizador. Saberes pedagógicos e atividade docente. São Paulo: Cortez; 1999. p. 15-34.
22. Corbellini VL, Santos BRL, Ojewda BS, Gerhart LM, Eidt OR, Stein SC, et al. Nexos e desafios na formação profissional do enfermeiro. Rev Bras Enferm [Internet]. 2010 [cited 2015 Jun 11]; 63(4):555-60. Available from:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672010000400009
23. Viegas LT, Simionato MF, Bridi FSR. Formação de professores: uma análise preliminar do programa nacional de formação continuada de professores da educação básica. Reflex Ação [Internet]. 2009 [cited 2015 Jun 11]; 17(2):69-90. Available from:
http://online.unisc.br/seer/index.php/reflex/article/view/1091
24. Cunha MI, Zanchet BBA, Ribeiro GM. Qualidade do ensino de graduação: culturas, valores e seleção de professores. Prax Educ [Internet]. 2013 [cited 2015 Jun 11]; 8(1):219-41. Available from:
www.redalyc.org/pdf/894/89427917010.pdf
25. Roldão MC. Função docente: natureza e construção do conhecimento profissional. Rev Bras Educ [Internet]. 2007 [cited 2015 May 09]; 12(34):94-181. Available from:
www.scielo.br/pdf/rbedu/v12n34/a08v1234.pdf
26. Masetto MT. Competência pedagógica do professor universitário. São Paulo: Summus Editorial; 2012.
27. Claro JACS, Profeta, RA. Programas de benefícios sociais para docentes no ensino superior brasileiro como forma de reter talentos: um estudo exploratório. Avaliação [Internet]. 2015 [cited 2015 Jun 11]; 20(1):189-223. Available from:
www.scielo.br/pdf/aval/v20n1/1414-4077-aval-20-01-00189.pdf
28. Scheibe L. Formação de professores: dilemas da formação inicial a distância. Revista de Educação. Educere Educ [Internet]. 2006 [cited 2015 Jun 11]; 1(2):199-212. Available from:
www.abed.org.br/congresso2013/cd/20.doc
29. Zabalza MA. O ensino universitário: seu cenário e seus protagonistas. Porto Alegre (RS): Artmed; 2004.
30. Backes VMS, Moya JLM, Prado ML, Menegaz JC, Cunha AP, Francisco BS. Expressions of pedagogical content knowledge of an experienced nursing teacher. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2013 [cited 2015 Nov 17]; 22(3):804-10. Available from:
http://www.scielo.br/pdf/tce/v22n3/v22n3a29.pdf
31. Nóvoa A. Nada substitui um bom professor: propostas para uma revolução no campo da formação de professores [Internet]. São Paulo: SINPRO-SP, 2006 [cited 2015 Jun 22]. Palestra em homenagem ao Dia Mundial do Professor. Available from:
http://www.vinicius.pro.br/novoa/wp-content/uploads/2014/09/Apresentação.pdf
32. Araújo Madeira MZ, Lima, MGSB. O significado da prática docente na constituição do saber ensinar das professoras do curso de enfermagem da Universidade Federal do Piauí. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2010 [cited 2015 Jun 22]; 19(1):70-7. Available from:
www.scielo.br/pdf/tce/v19n1/v19n1a08.pdf
33. Caregnato RCA, Martini RMF, Mutti RMV. Questão ético-moral na formação dos enfermeiros e médicos: efeitos de sentidos nos discursos docentes. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2009 [cited 2015 Jun 22]; 18(4):713-21. Available from:
www.scielo.br/pdf/tce/v18n4/13.pdf

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería