ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707 2014 v23n4 r24087

 

 

 

ARTIGO ORIGINAL

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

Pontuando interveniências nas relações familiares frente ao cuidado à criança com condição crônica*

Daniele Castro Barbosa,1 Francisca Georgina Macedo de Sousa,2 Joséte Luzia Leite3
1
Mestre em Enfermagem. Brasília, Distrito Federal, Brasil. 2Doutora em Enfermagem. Professora dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação em Enfermagem da UFMA. São Luis, Maranhão, Brasil. 3Doutora em Enfermagem. Professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Escola de Enfermagem Anna Nery da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil

Recebido em 17 de junho de 2013
Aprovação final em 17 de março de 2014

Texto Contexto Enferm 24(1): 87-95
*
Artigo derivado da dissertação - Compreendendo as múltiplas interações e retroações para a organização do sistema familiar no cuidado à criança com condição crônica, apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), com apoio da Fundação de Amparo a Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão e da CAPES, 2013

 

 

 

Cómo citar este documento

Barbosa, Daniele Castro; Sousa, Francisca Georgina Macedo de; Leite, Joséte Luzia. Pontuando interveniências nas relações familiares frente ao cuidado à criança com condição crônica. Texto Contexto Enferm, ene-mar 2015, 24(1). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2015/24087.php> Consultado el

 

Resumo

O estudo objetivou desvelar as condições intervenientes para o cuidado da criança com condição crônica. Utilizou-se o Pensamento Complexo como referencial teórico e a Grounded Theory como metodológico. Os dados foram coletados de janeiro a agosto de 2012, por meio de entrevista semiestruturada, em dois serviços de acompanhamento a crianças com condições crônicas e nas residências dos participantes. Participaram 16 familiares de crianças com condições crônicas, distribuídos em três grupos amostrais. A categoria "Pontuando as interveniências no cuidado à criança com condição crônica" revela que os múltiplos acontecimentos vivenciados pela família no cuidado a criança com condição crônica são determinados pelas relações e interações familiares, influenciando as formas de organização do sistema para o cuidado da criança. Destaca-se a importância do enfermeiro conhecer e compreender as múltiplas vivências familiares para que possa englobar criança, família e seus membros como unidades de cuidado
Descritores: Enfermagem; Doença crônica; Relações familiares; Criança

 

Resumen
Puntuando condiciones intermedias en las relaciones familiares delante cuidado de los niños en condición crónica

El estudio objetivó revelar las condiciones intermedias para el cuidado de niños en condición crónica. Se utilizó el Pensamiento Complejo como el referencial teórico y la Grounded Theory como la referencial metodológica. La recolección de los datos se dio de enero a agosto de 2012, por medio de entrevista semiestructurada, en dos servicios de supervisión a niños con condición crónica, distribuidos en tres grupos de muestra. La categoría "Puntuando condiciones en el cuidado de los niños con condición crónica" revela que los múltiplos acontecimientos vividos por la familia en el cuidado del niño con condición crónica se determinan por las relaciones e interacciones con la familia e influencian las formas de organización del sistema para el cuidado del niño. Se destaca la importancia de que el enfermero conozca e entienda las múltiples vivencias familiares a fin de que se pueda incluir el niño, la familia e cada uno de sus miembros cómo unidades de cuidado
Descriptores: Enfermería; Enfermedad crónica; Relaccioes familiares; Niño

 

Abstract
Scoring interventions in family relations regarding the care for the child with a chronic condition

The study aimed to reveal intervening conditions towards the care of children with chronic condition. The Complex Thought was used as theoretical framework and the Grounded Theory as methodological. Data were collected from January to August 2012, through semi-structured interviews in two follow-up services for children with chronic conditions and in the homes of participants. Participated 16 relatives of children with chronic conditions, divided into three sample groups. The category "Scoring the intervening conditions towards care of the child with chronic condition" reveals that multiple events experienced by the family in the care of children with chronic conditions are determined by the relationships and interactions of family members and influence the forms of organization for the care of child. Highlights the importance of the nurse to know and understand the multiple family experiences in order to encompass child and their family members as care units
Descriptors: Nursing; Chronic disease; Family relations; Child
 

Referências

1.  Organização Mundial de Saúde. Cuidados inovadores para condições crônicas: componentes estruturais de ação: relatório mundial. Brasília (DF): Organização Mundial de Saúde; 2003.

2.  Araújo YB, Collet N, Moura FM, Nóbrega RD. Conhecimento da família acerca da condição crônica na infância. Texto Contexto Enferm. 2009 Jul-Set; 18(3):498-505.

3.  Silva MAS, Collet N, Silva KL, Moura FM. Cotidiano da família no enfrentamento da condição crônica na infância. Acta Paul Enferm. 2010; 23(3):359-65.

4.  Sierra VM. Família: teorias e debates. São Paulo (SP): Saraiva; 2011.

5.  Cohen E, Berry JG, Camacho X, Anderson G, Wodchis W, Guttmann A. Patterns and costs of health care use of children with medical complexity. Pediatrics. 2012 Dec; 130(6):1463-70.

6.  Moore SM, Hackworth NJ, Hamilton VE, Northam EP, Cameron FJ. Adolescents with type 1 diabetes: parental perceptions of child health and family functioning and their relationship to adolescent metabolic control. Health Qual Life Outcomes. 2013 Mar; 11(50):1-8

7.  Silveira AO, Angelo M, Martins SR. Doença e hospitalização da criança: identificando as habilidades da família. Rev Enferm UERJ. 2008; 16(2):212-7.

8.  Nóbrega VM, Collet N, Silva KL, Coutinho SED. Rede de apoio social das famílias de crianças em condição crônica. Rev Eletr Enf [online]. 2010 [acesso 2013 Fev 13]; 12(3) Disponível em: http://dx.doi.org/10.5216/ree.v12i3.7566.

9.  Sminoff LA. Incorporating patient and family preferences into evidence-based medicine. BMC Medical Informatics and Decision Making 2013, 13(Suppl 3):S6: 1-7.

10.  Morin E. Introdução ao pensamento complexo. 5ª ed. Lisboa (PT): Instituto Piaget; 2008.

11.  Morin E. A cabeça bem feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. 19ª ed. Rio de Janeiro (RJ): Bertrand Brasil, 2011.

12.  Strauss A, Corbin J. Pesquisa qualitativa: técnicas e procedimentos para o desenvolvimento da Teoria Fundamentada. 2ª ed. Porto Alegre (RS): Artmed; 2008.

13.  Crepaldi MA, Andreani G, Hammes PS, Ristof CD, Abreu SR. A participação do pai nos cuidados da criança, segundo a concepção de mães. Psico em Estudo. 2006 Set-Dez; 11(3):579-87.

14.  Silva FM, Correa I. Doença crônica na infância: vivência do familiar na hospitalização da criança. Rev Min Enferm. 2006 Jan-Mar; 10(1):18-23.

15.  Dupas G, Silva AC, Nunes MDR, Ferreira NMLA. Câncer na infância: conhecendo a experiência do pai. Rev Min Enferm. 2012 Jul-Set; 16(3):348-54.

16.  Marques FRB, Barreto MS, Teston EF, Marcon SS. A presença das avós no cotidiano das famílias de recém-nascidos de risco. Rev Ciência Cuid Saúde. 2011 Jul-Set; 10(3):593-600.

17.  Sunelaitis RC, Arruda DC, Marcon SS. A repercussão de um diagnóstico de síndrome de down no cotidiano familiar: perspectiva da mãe. Rev Acta Paul Enferm. 2007; 20(3):264-71.

18.  Althoff CR, Renck LI, Sakae SVSS. Famílias de crianças que necessitam de cuidados especiais: o impacto sobre a vida familiar. Fam Saúde Desenv. 2005 Set-Dez; 7(3):221-9.

19.  Vestena-Zilmer JG, Schawartz E, Burille A, Linck CL, Lange C, Eslabão A. Vínculos dos clientes oncológicos e familiares: uma dimensão a ser conhecida. Enfermería Global. 2012 Enero; 11(1):45-52.

20.  Sanches KO, Ferreira NMLA. Reorganização do sistema familiar na condição do câncer. Ciência Cuid Saúde. 2011 Jul-Set; 10(3):523-32.

21.  Nóbrega VM. Imposições e conflitos no cotidiano das famílias de crianças com doença crônica. Esc Anna Nery. 2012 Out-Dez; 16(4):781-8

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería