ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707

 

 

 

ARTIGO ORIGINAL

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

Desafios da educação ambiental em uma instituição hospitalar

Vanúzia Sari,1 Silviamar Camponogara2
1Mestre em Enfermagem. Enfermeira da Unidade de Terapia Intensiva do Grupo Hospitalar Conceição. Rio Grande do Sul, Brasil. 2Doutora em Enfermagem. Professora Adjunto do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Maria. Rio Grande o Sul, Brasil

Recebido: 18 de Abril de 2013
Aprovado: 14 de Abril de 2014

Texto Contexto Enferm 23(2): 469-478

 

 

 

Cómo citar este documento

Sari, Vanúzia; Camponogara, Silviamar. Desafios da educação ambiental em uma instituição hospitalar. Texto Contexto Enferm, abr-jun 2014, 23(2). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2014/23228.php> Consultado el

 

Resumo

O estudo objetivou conhecer os desafios da educação ambiental em um hospital, sob a ótica dos indivíduos envolvidos no seu planejamento e execução. Pesquisa de abordagem qualitativa, do tipo estudo de caso, tendo como sujeitos os trabalhadores do Núcleo de Educação Ambiental de um grupo hospitalar do Rio Grande do Sul. Os dados foram coletados entre agosto de 2011 e janeiro de 2012, por pesquisa documental e entrevista e sofreram análise de conteúdo. Os desafios da educação ambiental na instituição investigada englobam, principalmente, a carência de uma política ambiental institucional que funcione como um arcabouço financeiro, legal, estrutural e humano para o desenvolvimento de ações voltadas ao tema. Destaca-se, ainda, a falta de uma formação acadêmica preocupada com a sustentabilidade socioambiental. Trabalhar esses desafios, e contorná-los durante o desenvolvimento de ações de educação ambiental, é uma prerrogativa para a construção de um saber em prol da sustentabilidade socioambiental.
Palavras chave: Meio ambiente/ Enfermagem/ Educação ambiental.


Abstract
Challenges of environmental education in a hospital institution

A study aimed to get to know the challenges of environmental education in a hospital, from the perspective of the individuals involved in its planning and execution. The research used a qualitative approach, case study type, using the workers of the Center for Environmental Education of a hospital group in the Rio Grande do Sul state, Brazil, as subjects. Data were collected, between August 2011 and January 2012, through documental research and interviews, and analyzed by content analysis. The challenges of environmental education include the lack of an institutional environmental policy that works as a financial, legal, human, and structural background for the development of actions focused on this topic. It was also observed that academic graduation does not considerenvironmental sustainability. It is clear that to work on these institutional challenges and overcome them during the development of environmental education is a prerogative for the construction of knowledge in environmental sustainability.
Key-words: Environment/ Nursing/ Environmental education.


Resumen
Los desafíos de la educación ambiental en una institución hospitalaria

El objetivo de este estudio es conocer los desafíos de la educación ambiental en el contexto hospitalario, desde la perspectiva de los individuos involucrados en la planificación y ejecución. Investigación cualitativa de tipo estudio de caso, realizada con los trabajadores del Grupo de Educación Ambiental de un grupo hospitalario del estado de Rio Grande do Sul, Brasil. Los datos fueron recolectados, entre agosto de 2011 y enero de 2012, mediante recolección documental y entrevistas, sometidas a análisis de contenido. Los desafíos de la educación ambiental engloban la carencia de una política ambiental institucional que funcione como un sistema financiero, legal, estructural y humano para el desarrollo de las acciones relacionadas al tema. También se destaca la falta de una formación académica preocupada con la sostenibilidad socio-ambiental. Trabajar estos desafíos durante las acciones de educación ambiental, es primordial para la creación de conocimientos acerca de la sostenibilidad socio-ambiental.
Palabras clave: Ambiente/ Enfermería/ Educación ambiental.
 

Referências

1. Camponogara S. Saúde e meio ambiente na contemporaneidade: o necessário resgate do legado de Florence Nightingale. Esc Anna Nery. 2012 Jan-Mar; 16(1):178-84.

2. Giddens A. Modernidade e identidade. Rio de Janeiro (RJ): Jorge Zahar; 2002.

3. Beck U. Sociedade de risco: rumo a uma outra modernidade. Tradução de Sebastião Nascimento. São Paulo (SP): Editora 34; 2010.

4. Leff E. A complexidade ambiental. São Paulo (SP): Cortez; 2003.

5. Camponogara S, Ramos FR, Kirchhof ALC. Reflexividade, conhecimento e consciência ecológica: premissas para uma ação responsável no contexto do trabalho hospitalar. Rev Latino-Am Enferm. 2009 Nov-Dez; 17(6):1030-6

6. Camponogara S, Ramos FR, Kirchhof ALC. A problemática ecológica na visão dos trabalhadores hospitalares. Ciência Saúde Coletiva. 2011; 16(8):3561-70.

7. Martins GA. Estudo de caso: uma estratégia de pesquisa. 2ª ed. São Paulo (SP): Atlas, 2008.

8. Yin RK. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4ª ed. Porto Alegre (RS): Bookman; 2010.

9. Bardin L. Análise de Conteúdo. Versão reatualizada e reimpressa. Lisboa (PT): Edições 70; 2013.

10. Friese S. ATLAS.ti 6 -Tour rápido. ATLAS.ti Scientific Software Development GmbH, Berlim (DE): Tradução à língua portuguesa, García I; 2011.

11. Loureiro CFB, Franca N, Layrargues PP, Lopes SA. Cidadania e meio ambiente. Salvador (BA): Centro de Recursos Ambientais; 2003.

12. Anderson R, Amodeo M, Hartzfeld J. Mudando as Culturas Empresariais Internamente. In: Assadourian E, organizador. Estado do Mundo, 2010: estado do consumo e o consumo sustentável. Salvador (BA): Uma ed; 2010.

13. Silveira E. A arte do encontro: a educação estética ambiental atuando com o Teatro do Oprimido. Educ Revista. 2009 Dez; 25(3):369-94.

14. Assadourian E. Ascensão e queda das culturas de consumo. In: Assadourian E, organizador. Estado do Mundo, 2010: estado do consumo e o consumo sustentável. Salvador (BA): Uma Ed; 2010.

15. Carvalho ICM. Educação ambiental crítica: nomes e endereçamentos da educação ambiental. In: Layrargues PP, organizador. Identidades da educação ambiental brasileira. Brasília (DF): Edições Ministério do Meio Ambiente; 2004.

16. Carvalho ICM. A configuração do campo de pesquisa em educação ambiental: considerações sobre nossos autorretratos. Pesq Educ Ambiental. 2009; 4(2):127-34.

17. Carvalho ICM, Farias CR, Pereira MV. A missão "ecocivilizatória" e as novas moralidades ecológicas: a educação ambiental entre a norma e a antinormatividade. Ambiente Sociedade. 2011 Jul; 14(2):35-49.

18. Carvalho ICM. Natureza e cultura na psicanálise e no ideário ecológico: duas perspectivas sobre o mal estar na cultura. Revista Electrónica de la Asociación Española de Americanistas [online]. 2010 [acesso 2013 Out 02]; (5):1-11. Disponível em: http://revistas.um.es/navegamerica.

19. Carvalho ICM. Subjetividade e sujeito ecológico: contribuições da psicologia social para a educação ambiental. In: Guerra AF, Taglieber E, organizadores. Educação ambiental: fundamentos, práticas e desafios. Itajaí (SC): Editora da Univali; 2007.

20. Carvalho ICM. Educação Ambiental: a formação do sujeito ecológico. 6ª ed. São Paulo (SP): Cortez; 2012.

21. Riojas J. A complexidade ambiental na universidade. In: Leff E. A complexidade ambiental. São Paulo (SP): Cortez; 2003.

22. Leff E. Saber ambiental: sustentabilidade, racionalidade, complexidade, poder. 4ª ed. Petrópolis (RJ): Vozes; 2001.

23. Viero CM, Camponogara S, Sari V, Erthal G. Percepção de docentes enfermeiros sobre a problemática ambiental: subsídios para a formação profissional em enfermagem. Texto Contexto Enferm. 2012. Out-Dez; 21(4):757-65.

24. Bach Júnior J. Educação ecológica e a fenomenologia da natureza de Goethe e Steiner na pedagogia Waldorf: a experiência estética no desenvolvimento da percepção ecológica. Inter-Ação: Rev Fac Educ UFG. 2008. Jan-Jun: 33(1):103-16.

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería