ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707

 

 

 

ARTIGO ORIGINAL

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

Produções de teses e dissertações da enfermagem em Portugal de 2000-2010: estudo bibliométrico1

Maria Aparecida Baggio,2 Manuel Alves Rodrigues,3 Alacoque Lorenzini Erdmann,4 Maria do Céu Aguiar Barbieri Figueiredo,5 Margarida Maria da Silva Vieira6
2Doutora em Enfermagem pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (PEN) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Santa Catarina, Brasil. 3Doutor em Educação. Professor Coordenador Principal da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra. Portugal. 4Doutora em Filosofia da Enfermagem. Professora Titular do Departamento de Enfermagem e PEN/UFSC. Pesquisadora do 1A CNPq. Santa Catarina, Brasil. 5Doutora em Ciências de Enfermagem. Professora Coordenadora da Escola Superior de Enfermagem do Porto. Portugal. 6Doutora em Filosofia. Professora Associada do Instituto de Ciências da Saúde (Porto) da Universidade Católica Portuguesa. Portugal

Recebido: 21 de Junho de 2012
Aprovado: 07 de Abril de 2014

Texto Contexto Enferm 23(2): 250-260
1Produção decorrente de doutorado sanduíche pelo CNPq, na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, Portugal

 

 

 

Cómo citar este documento

Baggio, Maria Aparecida; Rodrigues, Manuel Alves; Erdmann, Alacoque Lorenzini; Figueiredo, Maria do Céu Aguiar Barbieri; Vieira, Margarida Maria da Silva. Produções de teses e dissertações da enfermagem em Portugal de 2000-2010: estudo bibliométrico. Texto Contexto Enferm, abr-jun 2014, 23(2). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2014/23203.php> Consultado el

 

Resumo

O estudo identifica as pesquisas da enfermagem portuguesa, produzidas no período de 2000 a 2010, divulgadas por meio de dissertações de mestrado e de teses de doutorado, analisadas pelas seguintes variáveis: instituição formadora, distribuição dos estudos por instituição, orientador e co-orientador do estudo com respectiva titulação, produtividade dos orientadores, palavraschave/descritores, temas estudados, referencial teórico, referencial metodológico, sujeitos, coleta e análise dos dados. O estudo é do tipo exploratório, descritivo, bibliométrico, realizado a partir do levantamento das dissertações da Universidade Católica Portuguesa e do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade do Porto e das teses de doutorado dessas instituições e da Universidade de Lisboa, totalizando 41 teses e 273 dissertações. Nos resultados, são discriminados aspectos teóricos, metodológicos e bibliométricos da produção científica stricto sensu da enfermagem portuguesa. Conclui-se que os enfermeiros pesquisadores, ao terem conhecimento das especificidades dos estudos, podem aperfeiçoá-las para a qualidade e excelência da formação de mestres e doutores.
Palavras chave: Enfermagem/ Pesquisa científica e desenvolvimento tecnológico/ Bibliometria.


Abstract
Production of nursing thesis and dissertations in Portugal, 2000-2010: a bibliometric study

The study identifies Portuguese nursing research, produced in the period 2000-2010, published via Master's dissertations and doctoral theses, analyzed according to the following variables: institution training masters and doctors, studies' distribution by institution, study supervisors and co-supervisors with their respective titles, supervisors' productions, keywords/descriptors, topics studied, theoretical framework, methodological framework, subjects, data collection and data analysis. In this exploratory, descriptive and bibliometric study, dissertations from the Catholic University of Portugal and the Institute of Biomedical Sciences of the University of Porto were collected, as were doctoral theses from both these institutions and the University of Lisbon, totalling 41 theses and 273 dissertations. The results describe the theoretical, methodological and bibliometric aspects of the strictu sensu scientific production of Portuguese nursing. It is concluded that nurse researchers, in having knowledge of the specific areas of the studies, can improve them to achieve quality and excellence of the training of Master's and doctoral students.
Key-words: Nursing/ Scientific research and technological development/ Bibliometrics.


Resumen
Producciones de disertaciones y tesis de enfermería en Portugal de 2000-2010: estudio bibliométrico

El estudio identifica la investigación de enfermería portugués producido en el período 2000 a 2010, publicado por disertaciones de maestría y tesis de doctorado, analizados por medio de las variables: institución formadora, distribución de los estudios por institución, orientador y co-orientador del estudio con respectiva titulación, productividad de los asesores, palabras clave/descriptores, temas estudiados, referencial teórico, referencial metodológico, sujetos, recolección y análisis de los datos. El estudio es de tipo exploratorio, descriptivo, bibliométrico, realizado mediante el levantamiento de las disertaciones de maestría de la Universidad Católica Portuguesa y del Instituto de Ciencias Biomédicas de la Universidad de Oporto y de las tesis de doctorado de dichas instituciones y de la Universidad de Lisboa, se analizó un total de 41 tesis y 273 disertaciones. En los resultados están discriminados aspectos teóricos, metodológicos y bibliométricos de la producción científica stricto sensu de la enfermería portuguesa. Se concluyó que los enfermeros investigadores, al tener conocimiento de las especificidades de los estudios, pueden perfeccionarlos con consecuencias en la calidad y la excelencia de la formación de maestros y doctores.
Palabras clave: Enfermería/ Investigación científica y desarrollo tecnológico/ Bibliometría.


Referências

1. Universidade Católica Portuguesa, Instituto de Ciências da Saúde, Ensino, Mestrados, Mestrados em Enfermagem [online]. Portugal; 2012 [acesso 2012 Jan 16]. Disponível em: http://www.ics.lisboa.ucp.pt/site/custom/template/ucptpl_fac.asp?SSPAGEID=924&lang=1&artigoID=53.

2. Universidade Católica Portuguesa. Instituto de Ciências da Saúde, Ensino, Doutorados.[online]. Portugal; 2012 [acesso 2012 Jan 16]. Disponível em: http://www.ics.lisboa.ucp.pt/site/custom/template/ucptpl_fac.asp?SSPAGEID=926&lang=1&artigoID=94.

3. Universidade do Porto. Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, Cursos, Mestrados, Mestrado em Ciências de Enfermagem. [online]. Portugal; 2012 [acesso 2012 Jan 16]. Disponível em: http://sigarra.up.pt/icbas/cursos_geral.FormView?P_CUR_SIGLA=MENF.

4. Universidade de Lisboa. Cursos, Cursos Pós-Graduados, Doutorado em Enfermagem. 2012. [online]. Portugal; 2012 [acesso 2012 Jan 16]. Disponível em: http://www.ul.pt/portal/page?_pageid=173,182940&_dad=portal&_schema=PORTAL.

5. Erdmann AL, Fernandes JD, Lunardi VL, Robazzi MLCC, Rodrigues RAP. O alcance da excelência por programas brasileiros de pós-graduação stricto sensu com doutorado em enfermagem. Texto Contexto Enferm. 2012 Jan-Mar; 21(1):130-9.

6. Urbizagastegui R. A produtividade dos autores sobre a Lei de Lotka. Ci Inf. 2008 Mai-Ago; 37(2):87-102.

7. Pizzani L, Silva RC, Hayashi MCPI. Bases de dados e bibliometria: a presença da educação especial na base Medline. Rev Bras Biblio Doc. 2008 Jan-Jun; 4(1):68-85.

8. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 6022, Informação e documentação, Artigo em publicação periódica científica impressa, Apresentação [online]. Rio de Janeiro (RJ): 2003 [acesso 2012 Jan 18]. Disponível em: http://www.mestradoadm.unir.br/downloads/715_abnt_nbr_6022___norma_artigo_cientifico.pdf.

9. Oliveira RM, organizadora. Universidade Presidente Antonio Carlos, Rede de Bibliotecas, Roteiro para elaboração de artigo científico de acordo com a NBR 6022/2003 [online]. Barbacena (MG): 2011. [acesso 2012 Jan 18]. Disponível em: http://www.unipac.br/bb/documentos/roteiro_elaboracao_artigo2011.pdf.

10. Lacerda MR, Labronici LM. Papel social e paradigmas da pesquisa qualitativa de enfermagem. Rev Bras Enferm. 2011 Mar-Abr; 64(2):359-64.

11. Associação Brasileira de Normas Técnica. NBR 6022, Informação e documentação, Resumo, Apresentação [online]. Rio de Janeiro (RJ): 2003. [acesso 2012 Jan 18]. Disponível em: http://www.ufpi.br/subsiteFiles/ppgaarq/arquivos/files/6028-Resumo.pdf.

12. Biblioteca Virtual em Saúde. Descritores em Ciências da Saúde [online]. 2012. [acesso 12 Jan 2012]. Disponível em: http://decs.bvs.br/.

13. U.S. National Library of Medicine, National Institutes of Health, Medical Terminologies at NLM, Medical Subject Headings [online]. 2012 [acesso 12 Jan 2012]. Disponível em: http://www.nlm.nih.gov/medical-terms.html.

14. Ministério da Ciência. Tecnologia e Ensino Superior, Diário da República, Decreto-Lei n. 74/2006 [online]. 2012. [acesso 16 Jan 2012]. Disponível em: http://dre.pt/util/getdiplomas.asp?iddip=20061323.

15. Lanzoni GMM, Baggio MA, Parizoto GM, Cechinel C, Erdmann AL, Meirelles BHS, et al. La teoría fundamentada: un estudio bibliométrico de la enfermería brasileña. Index Enferm. 2011 Jul-Set; 20(3):209-14.

16. Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 11ª ed. São Paulo (SP): Hucitec-Abrasco; 2008.

17. Merighi MAB, Gonçalves R, Ferreira FC. Estudo bibliométrico sobre dissertações e teses em enfermagem com abordagem fenomenológica: tendência e perspectivas. Rev Latino-Am Enferm. 2007 Jul-Ago; 15(4):645-50.

18. Fraser MTD, Gondim SMG. Da fala do outro ao texto negociado: discussões sobre a entrevista na pesquisa qualitativa. Paidéia. 2004 Set-Dez; 14(28):139-52.

19. Cabral IE, Tyrrel MAR. Pesquisa em enfermagem nas Américas. Rev Bras Enferm. 2010 Jan-Fev; 63(1):104-10.

20. Bastos JLD, Duquia RP. Um dos delineamentos mais empregados em epidemiologia: estudo transversal. Scientia Medica. 2007 Out-Dez; 17(4):229-32.

21. Barros AJ, Hirakata VN. Alternatives for logistic regression in cross-sectional studies: an empirical comparison of models that directly estimate the prevalence ratio. BMC Med Res Methodol. 2003 Out; 3:21-33.

22. Polit D, Beck CT, Hungler B. Fundamentos de pesquisa em enfermagem: métodos, avaliação e utilização. 5ª ed. Porto Alegre (RS): Artes Médicas; 2004.

23. Bond AE, Eshah NF, Bani-Khaled M, Hamad AO, Habashneh S, Kataua H et al. Who uses nursing theory? A univariate descriptive analysis of five years' research articles. Scand J Caring Sci. 2011 Jun; 25(2):404-49.

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería