ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707 2014 v23n4 r230987

 

 

 

ARTIGO ORIGINAL

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

O quotidiano de gestantes: a enfermagem promovendo o ser saudável*

Ana Isabel de Godoy Ferreira,1 Viviane Soares,2 Rosane Gonçalves Nitschke,3 Adriana Dutra Tholl,4 Maria Angeles Garcia Carpintero Muñoz,5 Samanta Rodrigues Michelin6
1
Enfermeira Residente da Residência Integrada Multiprofissional em Saúde da Família do Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina (HU/UFSC). Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. 2Enfermeira Residente da Residência Integrada Multiprofissional em Alta Complexidade do HU/UFSC. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. 3Doutora em Filosofia da Enfermagem. Professora do Departamento de Enfermagem e do Programa de Pós-graduação (PEN) da UFSC. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. 4Doutoranda em Enfermagem do PEN/UFSC. Docente da Faculdade Estácio de Sá de Santa Catarina. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. 5Doutora em Ciências da Saúde. Professora Titular Departamento de Enfermería de la Universidad de Sevilla. Sevilla, España. 6Mestranda em Enfermagem do PEN/UFSC. Bolsista CAPES. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil

Recebido em 09 de abril de 2013
Aprovação final em 04 de dezembro de 2013

Texto Contexto Enferm 23(4): 987-994
*
Extraído da dissertação - Paternidade na adolescência no contexto dos serviços de saúde, escola e comunidade: uma perspectiva bioecológica, apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (PPGEnf) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), em 2012

 

 

 

Cómo citar este documento

Ferreira, Ana Isabel de Godoy; Soares, Viviane; Nitschke, Rosane Gonçalves; Throll, Adriana Dutra; García Carpintero Muñoz, Maria Angeles; Michelin, Samanta Rodrigues. O quotidiano de gestantes: a enfermagem promovendo o ser saudável. Texto Contexto Enferm, oct-dic 2014, 23(4). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2014/230987.php> Consultado el

 

Resumo

Trata-se de uma pesquisa qualitativa, exploratório-descritiva, fundamentada na sociologia compreensiva e do quotidiano. buscou-se compreender o quotidiano das gestantes, no contexto familiar, a partir do pré-natal. a pesquisa foi realizada em centro de saúde do sul do brasil, com dez gestantes. a coleta de dados deu-se através de entrevistas semiestruturadas, utilizando o genograma intrafamiliar e ecomapa, entre março e maio de 2011. a análise de dados envolveu: análise preliminar, ordenação, ligações-chave, codificação e categorização. os resultados mostram que o quotidiano das gestantes envolve modificações de ordem biológica e vivências de ordem emocional que geram uma necessidade de modificações no ritmo de vida, cuja concretização depende de modificações de ordem social, demandando uma rede de apoio que pode contribuir para a promoção da saúde na gestação.
Descritores: gestantes. enfermagem familiar. promoção da saúde. atividades cotidianas. cuidado pré-natal

Resumen
Lo cotidiano de mujeres embarazadas: la enfermería promoviendo el ser saludable

Se trata de un estudio cualitativo, exploratório-descriptivo, basado en la sociología comprensiva y el cotidiano. hemos tratado de entender el cotidiano de las mujeres en el ámbito familiar, desde el período prenatal. la investigación se realizó en un centro de salud en el sur de brasil, con diez mujeres embarazadas. la recogida de datos fue a través de entrevistas semi-estructuradas utilizando el genograma intra-familiar y eco-mapa, entre marzo y mayo de 2011. el análisis de los datos: análisis preliminar, clasificación, palabras clave, codificación y categorización. los resultados muestran que la vida cotidiana de las mujeres embarazadas implica la modificación de algunas experiencias biológicas y emocionales que generan una necesidad de cambios en el ritmo de la vida, cuya implementación depende de cambios de orden social, que requieren una red de apoyo que pueden contribuir a la promoción de salud durante el embarazo.
Descriptores: mujeres embarazadas. enfermería de la familia. promoción de la salud. actividades cotidianas. atención prenatal

Abstract
The daily life of pregnant women: nursing promoting being healthy

This is a qualitative, exploratory-descriptive study, grounded on the everyday life and interpretative sociology. the aim of the study was to understand the everyday life of pregnant women and their families, based on prenatal care. the study was conducted in a health center in southern brazil, and it involved ten pregnant women. data were collected by means of semi-structured interviews, using the intrafamilial genogram and ecomap, between march and may of 2011. data analysis involved: preliminary analysis, ordering, key links, coding and categorization. the results show that the everyday life of pregnant women involves biological changes and emotional experiences that generate a need for changing their pace of life, whose implementation depends on social changes, requiring a support network that may contribute to promote health during pregnancy.
Descriptors: pregnant women. family nursing. health promotion. activities of daily living. prenatal care
 

Referências

1. carter b, macgoldrick m, colaboradores. as mudanças no ciclo de vida familiar: uma estrutura para a terapia familiar. 2ª ed. porto alegre (rs): artes médicas; 2001.

2. ministério da saúde (br). secretaria de atenção à saúde. departamento de ações programáticas estratégicas. Área técnica de saúde da mulher. pré-natal e puerpério: atenção qualificada e humanizada - manual técnico. brasília (df): ms; 2006

3. vieira sm, bock lf, zocche da, pessota cu. percepção das puérperas sobre a assistência prestada pela equipe de saúde no pré-natal. texto contexto enferm. 2011; 20 (esp): 255-62

4. muñoz magc, nitschke rg, tholl ad. sexual behavior in the everyday life of adolescents and young adults from the hip hop culture. texto contexto enferm [online]. 2014 jan-mar [acesso 2014 abr 5]; 23(1):126-33. disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=s0104-07072014000100126&lng=en&nrm=iso&tlng=es

5. maffesoli m. o conhecimento comum: introdução à sociologia compreensiva. são paulo (sp): ed. brasiliense; 2010.

6. secretaria municipal de saúde de tubarão. diretoria de atenção primária. gerência de programas estratégicos. programa saúde da mulher. protocolo de atenção integral à saúde da mulher. tubarão (sc): ed. copiart; 2010.

7. ministério da saúde (br), conselho nacional de saúde, comissão nacional de Ética em pesquisa. resolução n. 196 de 10 de outubro de 1996: diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa envolvendo seres humanos. brasília (df): ms; 1996

8. teixeira ma, paiva ms, nóbrega sm, nitschke rg. manuseio com massa de modelar: uma estratégia sensível de coleta de dados na pesquisa em saúde e enfermagem. texto contexto enferm [online]. 2013 jul-set [acesso 2014 mai 8]; 22(3):857-63. disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v22n3/v22n3a36.pdf

9. schatzman l, strauss al. field research: strategies for a natural sociology. new jersey (us): prentice-hall; 1973

10. brasil. portaria n. 397, de 09 de outubro de 2002. aprova a classificação brasileira de ocupações - cbo/2002

11. yunes mam, mendes nf, albuquerque bm. percepções e crenças de agentes comunitários de saúde sobre resiliência em famílias monoparentais pobres. texto contexto enferm. 2005 nov; 14 (esp.): 24-31.

12. nóbrega jf, nitschke rg, silva fp, carraro cag, alves c. um olhar sensível às tribos pós-modernas: cuidando da saúde dos adolescentes no cotidiano. rev gaúcha enferm. 2013 mai; 34(3): 201-05.

13. shimizu he, lima mg. as dimensões do cuidado pré-natal na consulta de enfermagem. rev bras enferm. 2009 mai-jun; 62(3):387-92.

14. badinter e. um amor conquistado: o mito do amor materno. rio de janeiro: nova fronteira; 1985.

15. morse ml, fonseca sc, barbosa md, calil mb, eyer fpc. mortalidade materna no brasil: o que mostra a produção científica nos últimos 30 anos? cad saúde pública. 2011 abr; 27 (4): 623-38.

16. pereima rr, reibnitz ks, martini jg, nitschke rg. doação de sangue: solidariedade mecânica versus solidariedade orgânica. rev bras enferm. 2010 mar-abr; 63 (2):322-7.

17. fernandes jv, alves c, freitas r, erdmann, al, nitschke rg, koerich ms. o quotidiano pós-moderno e a incidência de acidente vascular encefálico em adultos jovens: um estudo descritivo-exploratório. online brazilian journal of nursing [online]. 2009 abr [acesso 2014 mai 8]; 8(1):464-84. disponível em: http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/rt/printerfriendly/2103/464

18. reberte lm, hoga lak, gomes alz. o processo de construção de material educativo para a promoção da saúde da gestante. rev latino-am enfermagem. 2012 jan-fev; 20(1):1-8.

19. santos rv, penna cmm. a educação em saúde como estratégia para o cuidado à gestante, puérpera e ao recém-nascido. texto contexto enferm. 2009 out-dez; 18(4): 652-60

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería