ENTRAR            

 


 

Texto & Contexto. ISSN:0104-0707

 

 

 

RELATO DE EXPERIÊNCIA

 

Ir a Sumario

 

 

Full text - English version

 

 

Laserterapia em úlceras por pressão: limitações para avaliação de resposta em pessoas com lesão medular

Gisela Maria Assis,1 Auristela Duarte de Lima Moser2
1
Mestranda do Programa de Pós-graduação em Tecnologias em Saúde da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Associação dos Deficientes Físicos do Paraná. Curitiba, Paraná, Brasil. E-mail: giassis83@gmail.com 2Doutora em Engenharia de Produção. Professora no Programa de Pós-graduação de Tecnologia em Saúde da PUCPR. Curitiba, Paraná, Brasil. E-mail: auristela.lima@pucpr.br

Recebido em 17 de maio de 2012
Aprovação final em 21 de setembro de 2012

Texto Contexto Enferm 22(3): 850-856

 

 

 

Cómo citar este documento

Assis, Gisela Maria; Moser, Auristela Duarte de Lima. Laserterapia em úlceras por pressão: limitações para avaliação de resposta em pessoas com lesão medular. Texto Contexto Enferm, jul-sep 2013, 22(3). Disponible en <http://www.index-f.com/textocontexto/2013/22-850.php> Consultado el

 

Resumo

A laserterapia é efetiva na aceleração da cicatrização de feridas, porém faltam evidências quanto sua utilização em úlceras por pressão e estudos de tratamento em pessoas com lesão medular em atendimento ambulatorial. O estudo teve como objetivo relatar as limitações encontradas na implementação de um programa de laserterapia no tratamento de úlceras por pressão, subsidiando uma reflexão sobre abordagens desta natureza. Trata-se de pesquisa exploratório-descritiva. Seis sujeitos com lesão medular, de dois centros de reabilitação, foram acompanhados em dois atendimentos semanais por oito semanas, recebendo irradiação laser em uma lesão, tendo outra como experimental. As principais limitações observadas foram dificuldade no seguimento da orientação de push-up e comparecimento às consultas. Acredita-se que tais limitações estejam relacionadas a falhas no processo de orientação quanto à prevenção destas lesões e à alteração na sensibilidade local.
Palavras chave: Terapia a laser/ Medula espinal/ Úlcera por pressão.
 

Abstract
Laser therapy in pressure ulcers: limitations for evaluation of response in persons with spinal cord injury

Laser therapy is effective in accelerating the scarring of wounds, but there is a shortage of evidence in relation to its use with pressure ulcers and to studies on treatment in people with spinal cord injuries (SCI) undergoing outpatient treatment. The study aimed to report the limitations found in the implementation of a laser therapy program for treating pressure ulcers, supporting a reflection on approaches of this nature. This is exploratory-descriptive research. Six subjects with spinal cord injuries from two rehabilitation centers were followed up at twice-weekly attendances over an eight-week period, receiving laser irradiation on one lesion, the other lesion being the control. The main limitations observed were difficulty in following the guidance on push-up and appearing for the consultations. It is believed that such limitations are related to flaws in the guidance relating to the prevention of these lesions and to changes in sensitivity in the areas affected.
Key-words: Laser therapy/ Spinal cord/ Pressure ulcer.
 

Resumen
Laserterapia en úlceras por presión: limitaciones para la evaluación de la respuesta en las personas con lesión medular

La terapia con láser es efectiva para acelerar la recuperación de las heridas, pero carece de pruebas para su uso en úlceras por presión y para el tratamiento en personas con lesiones de la médula espinal en la atención ambulatoria. El objetivo del estudio fue describir las limitaciones de la aplicación de un programa de terapia con láser en el tratamiento de úlceras por presión, subsidiando una reflexión sobre los abordajes de esta. Es una investigación exploratoria y descriptiva. Seis sujetos con lesión medular de dos centros de rehabilitación, fueron acompañados por dos visitas semanales durante ocho semanas, recibiendo la irradiación láser en una lesión. Las principales limitaciones se relacionaron con las dificultades para seguir la guía de push-up y la asistencia a las consultas. Se cree que estas limitaciones están relacionadas con defectos en el proceso de orientación respecto a la prevención de estas lesiones y el cambio en la sensibilidad local.
Palabras clave: Terapia por láser/ Médula espinal/ Úlcera por presión.

Principio de p�gina 

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería