ENTRAR            

 


 

R de Pesq: cuidado fundamental Online -Bra- v8n4 2016 85143

 

 
PESQUISA
 

 Ir a sumario  Acceso al texto completo

Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
[
R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-]
2016 oct-dic 8(4):
5143-5149

 Recebido em: 23/12/2014
Revisões requeridas: Não
Aprovado em: 17/09/2015
Publicado em: 01/10/2016

Acesso e vínculo ao tratamento de tuberculose na atenção primária em saúde

 

Rubia Rodrigues Neves,1 Priscila dos Santos Ferro,2 Laura Maria Vidal Nogueira,3 Ivaneide Leal Ataíde Rodrigues4

 

(1) Enfermeira, graduada pela Universidade do Estado do Pará. Mestranda em Enfermagem pelo programa de Mestrado em Enfermagem Associado UEPA-UFAM. Linha de pesquisa: Saúde pública e epidemiologia de doenças na Amazônia. Especialista em Gestão e Auditoria em Serviços de Saúde pelo IPOG (2) Enfermeira graduada pela Universidade do Estado do Pará. Especialista em Enfermagem Neonatal pela Universidade Federal do Pará. Especialista em Enfermagem do Trabalho pelo Curso de Pós-graduação - CPÓS. Tem experiência com enfermagem em saúde pública e UTI (3) Possui graduação em Enfermagem e Obstetrícia pela Universidade Federal do Pará (1982), Habilitação em Saúde Pública pela Universidade Federal do Pará (1983), Licenciatura Plena em Enfermagem pela Universidade Federal do Pará (1985), Mestrado em Educação Docência Universitária pelo Instituto Pedagógico Latino Americano e Caribenho - IPLAC - CUBA (2000) e Doutorado em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011). Atualmente é professora Adjunto II da Universidade do Estado do Pará - Departamento de Enfermagem Comunitária. Coordena o projeto de pesquisa Tuberculose e Parasitoses Intestinais em Populações Indígenas do Pará. Tem experiência na área de Enfermagem, com ênfase em Saúde Pública, atuando principalmente nos seguintes temas: tuberculose, atenção primária em saúde, populações indígenas, cultura (4) Doutora em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011). Professora Adjunto II da Universidade do Estado do Pará. Graduação em Enfermagem e Obstetrícia pela Universidade Federal do Pará (1982) e mestrado em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003). Membro dos grupos de pesquisa: Enfermagem e Representações Sociais na Atenção à Saúde- ERAS e Grupo interdisciplinar de pesquisas em saúde coletiva e controle de endemias na Amazônia. Tem experiência na área de ensino e pesquisa, atuando principalmente nos seguintes temas: controle da tuberculose, planejamento e gestão em saúde pública

 

Cómo citar este documento:
Neves, Rubia Rodrigues; Ferro, Priscila dos Santos; Nogueira, Laura Maria Vidal; Rodrigues, Ivaneide Leal Ataíde. Acesso e vínculo ao tratamento de tuberculose na atenção primária em saúde. R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-. 2016 oct-dic, 8(4). En: <http://www.index-f.com/pesquisa/2016/85143.php> Consultado el

Resumo

Objetivo: Avaliar o acesso aos serviços de atenção primária à saúde para o controle da tuberculose, identificando as facilidades e dificuldades, além de analisar a forma como os doentes são acolhidos pela equipe multidisciplinar. Método: Estudo operacional realizado em cinco Unidades Básicas de Saúde do município de Belém. Constituíram a amostra, 34 doentes com tuberculose. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, sob Parecer nº 206.875. Resultados: Constatou-se como facilidades para o acesso ao tratamento a proximidade da Unidade Básica de Saúde à residência dos doentes, o pouco tempo de espera para a consulta e o vínculo com a equipe de saúde. Como dificuldade identificouse a não realização de visitas domiciliares. Conclusão: O fortalecimento do vínculo, a garantia de acesso e o acolhimento pela equipe de saúde são fatores que podem contribuir para o sucesso do tratamento.
Descritores: Tuberculose/ Acesso aos serviços de saúde/ Atenção primária em saúde.
 

Resumen
Acceso y enlace para tratamiento de la tuberculosis en atención primaria de salud

Objetivo: Evaluar el acceso a los servicios de atención primaria de salud para el control de la tuberculosis, la identificación de las fortalezas y dificultades, además, analizar la forma en que los pacientes son recibidos por el equipo multidisciplinario. Método: Estudio operacional realizado en cinco Unidades Básicas de Salud de la Ciudad de Belém. Se constituyó la muestra 34 pacientes con tuberculosis. Estudio aprobado por el Comité Ético de Investigación, bajo la Resolución nº 206.875. Resultados: Se encontró como facilidades para el acceso al tratamiento la proximidad de la residência con la Unidad Básica de Salud, poco tiempo de espera para la consulta y el vínculo con el equipo de salud. La dificultad idenficada fue no realizar visitas a domicilio. Conclusión: El fortalecimiento de la fianza, la garantía de acceso y la recepción por el equipo de salud son factores que pueden contribuir al éxito del tratamiento.
Descriptores: Tuberculosis/ Acessibilidad a los servicios de salud/ Atención primaria de salud.
 

Abstract
Acess and link to treatment of tuberculosis in primary health care

Objective: To evaluate the access to primary health care services for tuberculosis control, identifying the facilities and difficulties, besides analyzing the way patients are received by the multidisciplinary team. Method: An operational study performed in five Basic Health Units in Belém. The sample consisted of 34 patients with tuberculosis. The study was approved by the Research Ethics Committee, under Resolution nº 206.875. Results: It was discovered that the facilities found regarding access to treatment were the proximity between the Basic Health Unit and the patients residence, reduced waiting time for consultation and the relationship established with the health team. The identified difficult was the lack of home visiting. Conclusion: The strengthening of the bond, the guarantee of access and the receptiveness by the health team are factors that can contribute to the success of treatment.
Descriptors: Tuberculosis/ Access to health services/ Primary health care.
 

Referências

1. World Health Organization-WHO. Global tuberculosis report, 2013; [citado 05 abr 2013]. Disponível em: http://www.who.int/tb/publications/global_report/gtbr14_main_text.pdf?ua=1.

2. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico, 2014; [citado 05 abr 2013]; 44(02). Disponível em: http://www.vigilanciaemsaude.ba.gov.br/sites/default/files/Boletim-Tuberculose-2014.pdf.

3.www.globo.com [homepage na internet]. Belém é a terceira capital do país com maior índice de tuberculose; 2014 [atualizada em 21 abr 2014; acesso em 15 mai 2014]. Disponível em: http://g1.globo.com/pa/para/noticia/2014/04/belem-e-terceira-capital-do-pais-com-omaior-indice-de-tuberculose.html

4. Ferreira SMB, Silva AMC, Botelho C. Abandono do tratamento da tuberculose pulmonar em Cuiabá - MT - Brasil. J Bras Pneumol [periódico on line] 2005; [citado 10 mar 2013]; 31(5): 427-35. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/jbpneu/v31n5/27160.pdf

5. Terra MF, Bertolozzi MR. Tratamento diretamente supervisionado contribui para a adesão ao tratamento da tuberculose?. Rev Latinoam Enfermagem [periódico on line] 2008 julho- agosto; [citado 15 mar 2013]; 16(4). Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v16n4/pt_02.pdf

6. Rodrigues ILA, Motta MCS, Ferreira MA. Representações sociais de enfermeiros sobre o portador de tuberculose. Acta Paul Enferm [periódico on line] 2013; [citado 2 fev 2013]; 26(2): 172-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v26n2/v26n2a11.pdf

7. Palha PF, Silva LMC, Wysocki AD, Andrade RLP, Protti ST, Scatena LM et al. Access to healthcare services for tuberculosis: analysis of patient satisfaction. Rev esc enferm USP [periódico on line] 2012; [citado 20 mar 2013]; 46(2): 342-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v46n2/a11v46n2.pdf

8. Villa TCS, Ruffino-Netto A. Questionário para avaliação de desempenho de serviços de atenção básica no controle da tuberculose no Brasil. J Bras Pneumo [periodico on line]. 2009; [citado 15 abr 2013]; 35(6): 610-12. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/jbpneu/v35n6/v35n6a14.pdf

9. Hino P, Takahashi RF, Bertolozzi MR, Egry EY. The presence of tuberculosis in a administrative district of São Paulo. Esc Anna Nery [periódico on line] 2013; [citado 15 abr 2013]; 17(1): 153-159. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ean/v17n1/21.pdf

10. Lindoso AABP, Waldman EA, Komatsu NK, Figueiredo SM, Taniguchi M, Rodrigues MC. Perfil de pacientes que evolucionan a óbito por tuberculosis en el municipio de São Paulo, 2002. Rev Saúde Pública [periódico on line] 2008; [citado 2 abr 2013]; 42(5): 805-12. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v42n5/6947.pdf

11. Oliveira MF, Arcêncio RA, Ruffino-Netto A, Scatena LM, Pallha PF, Villa TCS. A porta de entrada para o diagnóstico da tuberculose no Sistema de Saúde de Ribeirão Preto/ SP. Rev Esc Enferm USP [periódico on line] 2011; [citado 27 mar 2013]; 45(4): 898-904. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v45n4/v45n4a15.pdf

12. Caliari JS, Figueiredo RM. Tuberculose: perfil de doentes, fluxo de atendimento e opinião de enfermeiros. Acta Paul Enferm [periódico on line] 2012; [citado 10 abr 2013]; 25(1): 43-47. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v25n1/v25n1a08.pdf

13. Brunello MEF, Cerqueira DF, Pinto IC, Arcêncio RA, Gonzales RIC, Villa TCS et al. Vínculo persona enferma-profesional de salud en la atención a pacientes con tuberculosis. Acta Paul Enferm [periódico on line] 2009; [citado 10 abr 2013]; 22(2): 176-82. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v22n2/a10v22n2.pdf

14. Gomes ALC, Sá LD. As concepções de vínculo e a relação com o controle da tuberculose. Rev Esc Enferm USP [periódico on line] 2009; [citado 10 abr 2013]; 43(2): 365-72. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v43n2/a16v43n2.pdf

15. Lafaiete RS, Silva CB, Oliveira MG, Motta MCS, Villa TCS. Investigação sobre o tratamento da tuberculose em Itaboraí/RJ. Esc Anna Nery [periódico on line] 2011; [citado 3 mar 2013]; 15(1): 47-53. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ean/v15n1/07.pdf

16. Figueiredo TMRM, Villa TSC, Scatena LM, Gonzales RIC, Ruffino- Netto A, Nogueira JA, et al. Desempenho da atenção básica no controle da Tuberculose. Rev Saúde Publica [periódico on line] 2009; [citado 9 abr 2013]; 43(5): 825-31. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v43n5/265.pdf

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-Tesis
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería