ENTRAR            

 


 

R de Pesq: cuidado fundamental Online -Bra- v8n4 2016 85074

 

 
PESQUISA
 

 Ir a sumario  Acceso al texto completo

Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
[
R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-]
2016 oct-dic 8(4):
5074-5079

 Recebido em: 05/08/2015
Revisões requeridas: Não
Aprovado em: 17/09/2015
Publicado em: 01/10/2016

Riscos de acidentes com materiais perfurocortantes no setor de urgência de um hospital público

 

Francisca Francineide Andrade da Silva,1 Hercilla Nara Confessor Ferreira de Farias,2 Romanniny Hévillyn Silva Costa,3 Nilba Lima de Souza,4 Jovanka Bitencourt Leite de Carvalho,5 Richardson Augusto Rosendo da Silva6

 

(1) Enfermeira. Especialista em Saúde Materno/Infantil e em Enfermagem em Terapia Intensiva. Enfermeira na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares/ Hospital Universitário Onofre Lopes. Natal, Rio Grande do Norte, Brasil (2) Enfermeira. Especialista em Saúde Materno/Infantil e em Enfermagem em Obstetrícia. Enfermeira na Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares/ Maternidade Escola Januário Cicco. Natal, Rio Grande do Norte, Brasil (3) Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Enfermeira do trabalho do Instituto Federal do Rio Grande do Norte e da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares/Maternidade Escola Januário Cicco. Natal, Rio Grande do Norte, Brasil (4) Enfermeira, Doutora em Ciências da Saúde. Professora Adjunta VI do Curso de Graduação e do Programa de Pós-Graduação (Mestrado Acadêmico e Doutorado) em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte/UFRN. Natal/RN, Brasil. Líder do Grupo de Pesquisa Atenção a Saúde infanto juvenil, Mulher e Homem. (5) Enfermeira, Doutora em ciências da saúde. Professora da Escola de saúde e do Programa de Pós Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte/UFRN. Natal/RN, Brasil. Membro do Grupo de Pesquisa Atenção a saúde infantojuvenil, mulher e homem e Saúde e sociedade da UFRN (6) Enfermeiro. Doutor em Ciências da Saúde. Professor Adjunto VI do Curso de Graduação e do Programa de Pós-Graduação (Mestrado Acadêmico e Doutorado) em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte/UFRN. Natal/RN, Brasil. Membro do Grupo de Pesquisa Práticas Assistenciais e Epidemiológicas em Saúde e Enfermagem/PAESE/UFRN.Membro do Grupo de Pesquisa Práticas Assistenciais e Epidemiológicas em Saúde e Enfermagem/PAESE/UFRN

 

Cómo citar este documento:
Silva, Francisca Francineide Andrade da; Farias, Hercilla Nara Confessor Ferreira de; Costa, Romanniny Hévillyn Silva; Souza, Nilba Lima de; Carvalho, Jovanka Bitencourt Leite de; Silva, Richardson Augusto Rosendo da. Riscos de acidentes com materiais perfurocortantes no setor de urgência de um hospital público. R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-. 2016 oct-dic, 8(4). En: <http://www.index-f.com/pesquisa/2016/85074.php> Consultado el

Resumo

Objetivo: Conhecer os fatores de risco relacionados aos acidentes com material perfurocortante presentes no trabalho dos técnicos de enfermagem do setor de atendimento de urgência de um hospital público. Método: Trata-se de um estudo descritivo, de abordagem qualitativa, realizado com 14 profissionais. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas semi-estruturadas, no período de julho a setembro de 2010 e analisados seguindo a análise temática categorial. Resultados: As categorias emergidas dos discursos dos entrevistados foram: situações de urgências e emergências, adesão aos Equipamentos de Proteção Individual, Descuido e armazenamento inadequado do material perfurocortante. Conclusão: Observou-se que as condições de trabalho no setor de urgência necessitam ser revistas a fim de oferecer um ambiente adequado para minimizar os riscos ocupacionais durante o desenvolvimento dos procedimentos de enfermagem.
Descritores: Saúde do trabalhador/ Riscos ocupacionais/ Fatores de risco.
 

Resumen
Riesgos de lesiones con materiales cortopunzantes en el sector de urgencia de un hospital público

Objetivo: Investigar los factores de riesgo relacionados con los accidentes por pinchazos con materiales presentes en el trabajo del personal de enfermería de la División de Urgencias de un hospital público. Método: Se trata de un enfoque descriptivo, cualitativo, realizado con 14 profesionales. Los datos fueron recolectados a través de entrevistas semiestructuradas en el período de julio a septiembre de 2010 y analizados por el análisis categórico temático. Resultados: Las categorías surgieron de las entrevistas fueron: las situaciones de atención de emergencia, la adhesión a los Equipos de Protección Personal, el descuido y el incorrecto almacenamiento de objetos punzocortantes. Conclusión: Se observó que las condiciones de trabajo en el sector deben ser reconsideradas con urgencia para proporcionar un ambiente adecuado para el desarrollo de procedimientos de enfermería con un menor riesgo de accidentes.
Descriptores: Salud laboral/ Riesgos laborales/ Factores de riesgo.
 

Abstract
Risks of accidents with needlestick materials at the urgency sector of a public hospital

Objective: To investigate the risk factors related to accidents with needlestick materials present in the work of the nursing technicians of the urgency sector of a public hospital. Method: Descriptive study, with qualitative approach, conducted with 14 professionals. The data were collected through semi-structured interviews, from July to September 2010, and analyzed by the categorical thematic analysis. Results: The categories that emerged from the interviews were: Situations of urgency and emergency, adherence to the Personal Protective Equipment, carelessness and improper storage of needlestick materials. Conclusion: It was observed that the working conditions in the sector need to be urgently reviewed in order to provide a suitable environment for the development of nursing procedures with reduced risk for accidents.
Descriptors: Occupational health/ Occupational risks/ Risk factors.
 

Referências

1. Simão SAF, Silvino ZR, Santos DM. Acidente de trabalho com material biológico entre profissionais de saúde. Rev Pesqui Cuid Fundam [Online]. 2010 out/dez; 2 (Ed. Supl): 120-4.

2. Valim MD, Marziale MHP. Avaliação da exposição ocupacional a material biológico em serviços de saúde. Texto & Contexto Enferm [online]. 2011; 20 (Esp): 138-46.

3. Chiodi MB,Marziale MHP, Mondadori RM, Robazzi MLCC. Acidentes Registrados no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de Ribeirão Preto, São Paulo. Rev Gaúch Enferm [online]. 2010 jun; 31 (2): 211-7.

4. Mauro MYC, Veiga AR. Problemas de saúde e riscos ocupacionais: percepção dos trabalhadores de enfermagem de unidade materna infantil. Rev enferm UERJ. 2008 jan/mar; 16 (1): 64-9.

5. BRASIL, Ministério da Saúde. Portaria nº 1.823, de 23 de agosto de 2012. Institui a Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora. Brasília: Ministério da Saúde 2012.

6. Monteiro CM, Benatti MCC, Rodrigues RCM. Acidente do trabalho e qualidade de vida relacionada à saúde: um estudo em três hospitais. Rev Latinoam Enferm. 2009 jan/fev; 17(1).

7. Bardin L. Análise de Conteúdo. 7ª ed. Lisboa: Edições 70; 2011.

8. Santos AS, Araújo TME de,Viana MRP, Santos MS, Araújo RRM, Campelo TPT. Acidentes perfurocortantes em profissionais de enfermagem de serviços de urgência e emergência em uma capital brasileira. Rev Pesqui Cuid Fundam [Online]. 2011 dez; (Ed. Supl.):229-241.

9. Costa LHR, Coelho EAC. Ideologias de gênero e sexualidade: a interface entre a educação familiar e a formação profissional de enfermeiras. Texto & Contexto Enferm [online]. 2013 abr/Jun; 22(2): 485-92.

10. Alves SSM, Passos JP, Tocantins FR. Acidentes com perfurocortantes em trabalhadores de enfermagem: uma questão de biossegurança. Rev enferm UERJ. 2009 jul/set; 17(3):373-7.

11. Lapa AT, Silva JM, Spindola T. A ocorrência de acidentes por material perfucortantes entre trabalhadores de enfermagem intensivista. Rev enferm UERJ. 2012 dez; 20(esp.1):642-7.

12. Geiger-Brown J, Trinkoff AM, Is it time to pull the plug on 12-hour shifts?: Part 3. harm reduction strategies if keeping 12-hour shifts. J Nurs Adm. 2010 sep; 40(9): 357-9.

13. Geiger-Brown J; Lipscomb J. The health care work environment and adverse health and safety consequences for nurses. Annu Rev Nurs Res. 2010; 28: 191-231.

14. Fernandes JC, Portela LF, Rotenberg L, Griep RH. Jornada de trabalho e comportamentos de saúde entre enfermeiros de hospitais públicos. Rev Latinoam Enferm. 2013 set-Oct; 21( 5).

15. Guimarães EAA, Araújo GD, Bezerra R, Silveira RC da, Oliveira VC. Percepção de técnicos de enfermagem sobre o uso de equipamentos de proteção individual em um serviço de urgência. Ciencia enferm. 2011;17( 3 ): 113-23.

16. Magagnini MAM, Rocha SA, Ayres JA. O significado do acidente de trabalho com material biológico para os profissionais de enfermagem. Rev Gaúch Enferm. (Online). 2011 Jun; 32( 2 ): 302-8.

17. Ribeiro AS, Gabatz RIB, Neves ET, Padoin SMM. Caracterização de acidente com material perfurocortante e a percepção da equipe de enfermagem. Cogitare enferm. [Internet]. 2009 out/dez; 14( 4 ): 660-6.

18. JAM, Moura MEB. Representações sociais sobre as causas dos acidentes com materiais perfurocortantes por técnicos de enfermagem. Rev Rene. 2012; 13(5):1132-41.

19. Oliveira AC de, Paiva MHRS. Análise dos acidentes ocupacionais com material biológico entre profissionais de atendimento préhospitalar Rev Latinoam Enferm [Internet]. 2013 Jan-fev; 21( 1 ): 309-15.

20. Correa, RA; Souza, NVDO. Riscos ocupacionais enfrentados pelo trabalhador de enfermagem no setor de hemodiálise. Rev Pesqui Cuid Fundam [Online]. 2012 out/dez; 4(4): 2755-64.

21. Chen WT; Han M. Knowledge, attitudes, perceived vulnerability of Chinese nurses and their preferences for caring for HIV-positive individuals: a cross-sectional survey. J Clin Nurs. 2010 nov; 19(21- 22): 3227-34.

22. Vieira M, Padilha MICS. O HIV e o trabalhador de enfermagem frente ao acidente com material perfurocortante. Rev Esc Enferm USP [online]. 2008 dez; 42 (4): 804-10.

23. Oliveira AC, Gonçalves JA. Acidente ocupacional por material perfurocortante entre profissionais de saúde de um Centro Cirúrgico. Rev Esc Enferm USP [Online]. 2010; 44: 482-7.

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-Tesis
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería