ENTRAR            

 


 

R de Pesq: cuidado fundamental Online -Bra- v8n2 2016 r84168

 

 
REVISÃO INTEGRATIVA DE LITERATURA
 

 Ir a sumario  Acceso al texto completo

Revista de Pesquisa: Cuidado é Fundamental Online
[
R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-]
2016 abr-jun; 8(2):
4168-4185

 Recebido em: 20/04/2014
Revisões requeridas: Não
Aprovado em: 17/09/2015
Publicado em: 03/04/2016

O gerenciamento de riscos ocupacionais e as interferências na saúde do trabalhador: revisão integrativa

 

Rafael Pires Silva,1 Bruna Maiara Ferreira Barreto,2 Alessandra Conceição Leite Funchal Camacho,3 Geilsa Soraia Cavalcanti Valente4

 

(1) Acad. de Enfermagem 9º Período. Bolsista IC FAPERJ. Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa Universidade Federal Fluminense EEAAC/UFF. Niterói (RJ). Brasil. Email: rafaelinluminado@hotmail.com (2) Acad. de Enfermagem 9º Período. Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa Universidade Federal Fluminense EEAAC/UFF. Niterói (RJ). Brasil. Email: bruna.barreto07@gmail.com (3) Funchal Camacho. Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta do Departamento de Fundamentos de Enfermagem e Administração da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa Universidade Federal Fluminense EEAAC/UFF. Niteroi (RJ). Email: cicacamacho@gmail.com (4) Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta do Departamento de Fundamentos de Enfermagem e Administração da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa Universidade Federal Fluminense EEAAC/UFF. Niteroi (RJ). Brasil. Bolsista CNPq de Pós Doutorado no Exterior Escola Superior de Enfermagem do Porto Portugal. Email: geilsavalente@yahoo.com.br

 

Cómo citar este documento:
Silva, Rafael Pires; Barreto, Bruna Maiara Ferreira; Camacho, Alessandra Conceição Leite Funchal; Valente, Geilsa Soraia Cavalcanti. O gerenciamento de riscos ocupacionais e as interferências na saúde do trabalhador: revisão integrativa. R de Pesq: cuidado é fundamental Online -Bra-. 2016 abr-jun, 8(2). En: <http://www.index-f.com/pesquisa/2016/84168.php> Consultado el

 

Resumo

Objetivo: identificar as principais interferências do trabalho em plataformas de petróleo na saúde do trabalhador; descrever a atuação do enfermeiro no gerenciamento dos riscos ocupacionais em plataformas de petróleo; analisar como o gerenciamento de riscos ocupacionais pode promover a saúde do trabalhador. Método: revisão integrativa, com vista a responder a seguinte questão de pesquisa: O que existe produzido sobre o gerenciamento de riscos ocupacionais na saúde do trabalhador em plataforma de petróleo? Resultados: as empresas que possuíam enfermeiros atuando no planejamento para a prevenção de acidentes apresentaram menor quantidade de notificações de acidentes de trabalhos e doenças relacionadas ao trabalho, já que os esforços para prevenir estas enfermidades estavam sendo realizados com maior frequência. Conclusão: o gerenciamento de riscos ocupacionais é um enorme desafio para toda equipe multiprofissional de saúde de determinadas empresas petrolíferas, e o enfermeiro é o profissional em destaque na atuação neste ambito.
Descritores: Enfermagem do trabalho/ Gerenciamento de segurança/ Riscos ocupacionais.
 

Resumen
La gestión del riesgo y la interferencia en los trabajadores de salud ocupacional: revisión integradora

Objetivo: Identificar la principal interferencia del trabajo en plataformas petroleras en salud ocupacional; describir el papel de la enfermera en la gestión de los riesgos laborales en las plataformas petrolíferas, analizar cómo la gestión del riesgo puede promover el trabajador de la salud ocupacional. Método: revisión integradora, con el fin de responder a la siguiente pregunta de investigación: ¿Qué se produce en la enfermería en el manejo de riesgos en los trabajadores de la salud ocupacional plataforma petrolera? Resultados: las empresas que habían enfermeras que trabajan en la planificación de la prevención de los accidentes tuvieron menos informes de accidentes de trabajo y enfermedades profesionales, se están realizando esfuerzos para prevenir estas enfermedades cada vez más frecuentes. Conclusión: La gestión de los riesgos laborales es un gran reto para todo el equipo multidisciplinario de salud de algunas compañías petroleras, y la enfermera son las actividades profesionales destacados en este ámbito.
Descriptores: Enfermería del trabajo/ Administración de la seguridad/ Riesgos laborales.
 

Abstract
The risk management and interference in occupational health worker: integrative review

Objective: To identify the main interference of work on oil rigs in occupational health; describe the actuation of nurse in the management of occupational risks on oil rigs; analyze how risk management can promote occupational health worker. Method: an integrative review, in order to answer the following research question: What is produced on the nurse in managing risks in occupational health worker oil rig? Results: companies that had nurses working in the planning for the prevention of accidents had fewer reports of work accidents and occupational diseases, as efforts to prevent these diseases were being performed with increasing frequency. Conclusion: The management of occupational risks is a major challenge for the entire multidisciplinary team of health of certain oil companies, and the nurse is the professional activities highlighted in this scope.
Descriptors: Occupational health nursing/ Safety management/ Occupational risks.
 

Referências

1. Marques G. 10 perguntas e respostas para ajudar você a entender a Enfermagem Offshore 2010. Available from: http://www.enfermagemoffshore.com.br/sections.asp?sectionID=51&sectionParentID=4

2. Almeida TCM. O sistema de gestão de segurança e saúde dos trabalhadores: estudo de caso em uma indústria petroquímica no RJ [Dissertação de mestrado]. Rio de Janeiro: Universidade Federal Fluminense. Curso de Engenharia. 2003

3. BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego. Lei nº 8213 de 24 de julho de 1991. Planos de Benefícios da Previdência Social. [internet]. Available from: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8213cons.htm.

4. BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego. Portaria GM nº 202, de 22 de dezembro de 2006. NR 33 Segurança e saúde nos trabalhos em espaços confinados. [internet]. Available from: <http://portal.mte.gov.br/data/files/FF8080812BE914E6012BF2FE9B8C247D/nr_33.pdf>

5. Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 10 ed. São Paulo(SP): Hucitec, 2007.

6. Figueiredo AM, Souza SRG. Como elaborar projetos, monografias, dissertações e teses. Da redação científica a apresentação do texto final. Rio de Janeiro(RJ): Lumen Juris, 2005.

7. Spagnuolo RS, Baldo RCS, Guerrini IA. Análise Epidemiológica dos acidentes com material biológico registrados no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador Londrinas-PR. Rev Bras de Epidemiol. 2008; 11(2): 315-23. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-790X2008000200013>

8. Silveira DT, Marin HF. Conjunto de Dados Mínimos em Enfermagem: identificação de categorias e itens para a prática de enfermagem em saúde ocupacional ambulatorial. Rev Bras de Enferm. 2006; 59(2): 142-7. Available from: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672006000200004>

9. Chiodi MB, Marziale MHP, Robazzi MLCC. Acidentes de trabalho com material bilógico entre trabalhadores de unidades de saúde pública. Rev Latino-Am de Enferm. 2007; 15(4): 123-29. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-11692007000400017&script=sci_arttext&tlng=pt>

10. Nascimento ELA, Vieira SB, Cunha TB. Riscos Ocupacionais: das metodologias tradicionais á análise das situações de trabalho. Fractal: Revista de Psicologia. 2010; 22(1): 115-26. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1984-02922010000100009&script=sci_arttext>

11. Gemelli KK, Hilleshein EF, Lautert L. Efeitos do trabalho em turno na saúde do trabalhador: Revisão Sistemática. Rev Gaúcha de Enferm. 2008; 29(4): 639-46. Available from: http://seer.ufrgs.br/RevistaGauchadeEnfermagem/article/view/7637/4692>

12. Iwamoto HH, Oliveira KF, Pereira GA, Parreira BDM, Goulart BF. Saúde ocupacional: controle médico e risco ambientais. Acta Sci. Health Sci. 2008; 30(1): 27-32. Available from: <http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciHealthSci/article/view/4384/3093

13. Coutinho SB, Fiorini Ac, Oliveira IB, Latorre MRDO, Ferreira LP. Sintomas Vocais e sensações laringes em trabalhadores de usinas de álcool e açúcar expostos a riscos ocupacionais. Rev Soc Bras Fonoaudiol. 2011;16(3):266-72. Available from: < http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1516-80342011000300006&script=sci_arttext>

14. Gallas SR, Fontana RT. Biossegurança em enfermagem nos cuidados clínicos: contribuições para a saúde do trabalhador. Revista Brasileira de Enfermagem. 2010; 63(5): 786-92. Available from: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672010000500015>

15. Iriart JAB, Oliveira RP, Xavier SS, Costa AMS, Araújo GR, Santana VS. Representações do trabalho informal e dos riscos à saúde entre trabalhadoras domésticas e trabalhadores da construção civil. Ciência e Saúde Coletiva. 2008; 13(1): 165-74. Available from: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000100021>

16. Soares JFS et al. Percepção dos trabalhadores avulsos sobre os riscos ocupacionais no porto do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Cad. Saúde Pública, 2008; 24(6):1251-1259. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-311X2008000600006&script=sci_arttext>

17. Camelo SHH, Angerami ELS. Riscos psicossociais no trabalho que podem levar ao estresse: uma análise da literatura. Cienc Cuid Saude 2008; 7(2): 232-240. Available from: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/5010/3246

18. Hofelmann DA, Blank N. Auto-avaliação de saúde entre trabalhadores de uma indústria no sul do Brasil. Rev Saúde Pública. 2007; 41(5): 777-87. Available from: < http://www.scielo.br/pdf/rsp/v41n5/5899.pdf>

19. Picoloto D, Silveira E. Prevalência de sintomas osteomusculares e fatores associados em trabalhadores de uma indústria metalúrgica de Canoas RS. Ciência e Saúde Coletiva. 2008; 13(2): 507-516. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232008000200026&script=sci_abstract&tlng=pt>

20. Lisboa MTL, Oliveira MM, Reis LD. O trabalho noturno e a prática de enfermagem: uma percepção dos estudantes de enfermagem. Escola Anna Nery R Enfermagem. 2006; 10(3): 393-98. Available from: <http://www.scielo.br/pdf/ean/v10n3/v10n3a06.pdf>

21. Martins ERC, Zeitoune RCG. As condições de trabalho como fator desencadeador do uso de substâncias psicoativas pelos trabalhadores de enfermagem. Esc Anna Nery Rev Enferm. 2007; 11(4): 63944. Available from: <http://www.scielo.br/pdf/ean/v11n4/v11n4a13.pdf>

22. Silva RM et al. Trabalho noturno e a repercussão na saúde dos enfermeiros. Esc Anna Nery (impr.)2011; 15(2): 270-276. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1414-81452011000200008&script=sci_arttext>

23. Carvalho QGS, Pedrosa WA, Sebastião QP. Leucemia mieloide aguda versus ocupação profissional: perfil dos trabalhadores atendidos no Hospital de Hematologia de Recife. Rev Esc Enferm USP. 2011; 45(6): 1446-51. Available from: <http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v45n6/v45n6a24.pdf>

24. Iramina WS, Tachibana IK, Silva LMC, Eston SM. Identificação e controle de riscos ocupacionais em pedreira da região metropolitana de São Paulo. REM: R. Esc. 2009; 62(4): 503-09. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0370-44672009000400014>

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-AKADEMIA
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería