ENTRAR            

 


 

PARANINFO DIGITAL 2015;22:106

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar este texto

Ir a Sumario

Documento anterior

Documento siguiente

Enviar correo al autor

Sin Ttulo


Modalidad de presentación:
comunicación digital

 

REF.: 106d

Assistência Prestada ao Homem Pelos Profissionais de Saúde no Pré-Natal de Alto Risco da Companheira
Priscilla Alekianne S. do Nascimento Semente, Eliana Regina Lima Fernandes, Jovanka Bittencourt Leite de Carvalho, Thais Rosental Gabriel Lopes, Dannielly Azevedo de Oliveira, Alessandra Gurgel Câmara
Universidade Potiguar (UNP). Natal, Brasil

Rev Paraninfo digital, 2015: 22

Cómo citar este documento
Semente, Priscilla Alekianne S. do Nascimento; Fernandes, Eliana Regina Lima; Carvalho, Jovanka Bittencourt Leite de; Lopes, Thais Rosental Gabriel; Oliveira, Dannielly Azevedo de; Câmara, Alessandra Gurgel. Assistência Prestada ao Homem Pelos Profissionais de Saúde no Pré-Natal de Alto Risco da Companheira. Rev Paraninfo Digital, 2015; 22. Disponible en: <https://www.index-f.com/para/n22/106.php> Consultado el

RESUMO

Objetivo: investigar a assistência prestada ao homem pelos profissionais de saúde, durante o pré-natal de alto risco da companheira. Métodos: trata-se de uma pesquisa exploratória e descritiva de abordagem qualitativa, desenvolvida em uma unidade de saúde pública localizada em Natal-RN. Participaram da investigação onze homens, entrevistados entre agosto e setembro de 2010. Utilizou-se um roteiro de entrevista semiestruturado. Os dados foram analisados de acordo com a técnica de análise de conteúdo, conforme Bardin. Resultados: desvelou-se a categoria invisibilidade do homem, diante da assistência fornecida pelos profissionais da saúde em gestação de alto risco. Evidenciou-se que os homens tornam-se invisíveis e os cuidados são direcionados, unicamente, à companheira, durante o pré-natal na gestação de alto risco. Seus anseios, medos e dúvidas não são minimizados e ou sanados pelas categorias profissionais, sendo o foco centrado nos cuidados maternos. As atividades laborais tornam-se um impedimento, impossibilitando-os de participar ativamente das consultas. Atrelada à essa situação, denota-se a inflexibilidade dos horários das unidades de saúde, que destinadas estão ao atendimento à população em geral, sem contemplar de forma específica este segmento, o quê contribui e inviabiliza o acesso dos companheiros ao serviço. Conclui-se que a assistência prestada ao homem/pai, no pré-natal de alto risco, ainda é insatisfatória, pois os cuidados fornecidos pelos profissionais destes espaços, bem como seus gestores e, de igual modo, as questões culturais de gênero ainda não os veem como partícipes do processo gestatório, fato esse, que os tornam, na maioria das vezes, indivíduos vulneráveis a sentimentos ambivalentes configurados entre o desejo de participar e os fatores impeditivos de acolhimento nas referidas unidades de saúde.
Palavras chave: Gravidez/ Profissional de Saúde/ Saúde do Homem.
 

ABSTRACT
Assistance to Man for Health Professionals in Prenatal High Risk of Fellow

Objective: its investigate the assistance given to men by health professionals, under his partner high-risk pre-natal. Methods: it�s a exploratory and descriptive research with quality approach, developed at a public health unit in Natal-RN. Ten men participate at the investigation, interview between August and September of 2010. Was used a semi structured interview script. The data was analyzed in accordance with analysis content technique, using Bardin. Results: It was unveiled the men invisibility category, on the assistance provided by health professionals in high-risk pregnancy. It was perceived that the men become invisible and the care its directed only to de partner, during prenatal care in high-risk pregnancy. His desires, fears and doubts aren`t minimized or resolved by professionals categories, It is the focus centered on maternal care. The works activities becomes a impediment, making it impossible for them to actively participate in the consultations. Linked to this situation, its denotes the inflexibility schedules of health facilities, that are designed to serve the population in general. Its was concluded that the assistance provided to the father, at high-risk pre-natal, It is still unsatisfactory, because the care provided to the professionals in these spaces, and their managers, likewise, the cultural issues of gender, still do not see them as participants in the obstetrical process, at most times this fact become them vulnerable individuals to the dual feelings among the participation desire and the host impediments factors in these health facilities.
Key-words: Pregnancy/ Health Professionals/ Men Health.
 

Bibliografía

1. Silva ELC, Lamy ZC, Rocha LJLF, Lima JR. Paternidade em tempos de mudanças: uma breve revisão da literatura. Rer Pesq Saúde. 2012; 13(2): 549. Disponível em: https://www.periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/revistahuufma/article/view/1325
2. Bezerra AKOF, Carvalho JBL, Brito RS. Sentimentos vivenciados pelo homem frente à gravidez da companheira acometida por síndrome hipertensiva. Fundam. Care. online. 2013; 5(4): 485-92. Acesso: file:///C:/Users/priscilla/Downloads/Dialnet-SentimentosVivenciadosPeloHomemFrenteAGravidezDaCo-4767690%20(1).pdf
3. Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Área Técnica de Saúde da Mulher. Gestação de Alto Risco. Brasília: MS, 2010; 5 ed.
4. Neves AS, Santos MCB. Determinantes sociopolíticos e culturais e as repercussões sobre o pré-natal de alto risco: um olhar do Serviço Social sobre seu exercício profissional em um hospital universitário. Vértices. 2012; jan-abr; 14(1): 147-167.Acesso em: https://www.essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/vertices/article/view/1809-2667.20120010/1342
5. FerreiraTN, Almeida DR, Brito HM, et. al. A importância da participação paterna,  durante o pré-natal: percepção da gestante e do pai no município de Cáceres-MT. Revista Eletrônica & Saúde. 2014; 5(2):337-45.
6. L. Análise de Conteúdo. Lisboa/Portugal: Ed. 70; 2014
7. Cabrita BAC, Silveira ES, Souza AC, et. al. A ausência do companheiro nas consultas de pré-natal: desafios e conquistas. Cuid. Fundam.online. 2012; jul-set; 4(3):2645-54.Acesso em: file:///C:/Users/priscilla/Downloads/1851-11313-1-PB.pdf
8. Jardim DMB, Penna CMM. Pai-acompanhante e sua compreensão sobre o processo de nascimento do filho. Reme Ver. Min. Enferm. 2012; 16 (3): 373- 381. Acesso em: https://www.sofiafeldman.org.br/wp-content/uploads/2012/11/ARTIGO-Danubia-pai-acompanhante1.pdf
9. Brito RS, Soares JDD, Carvalho JBL, Santos DA. Dificuldade vivenciadas pelo homem durante a gravidez da companheira. Rev. Rene. 2013; 14(2): 272-9. Acesso em: file:///C:/Users/priscilla/Downloads/820-6259-1-PB%20(2).pdf
10. Gabriel MR, Dias ACG. Percepções sobre a paternidade: descrevendo a si mesmo e o próprio pai como pai. Estudos de Psicologia. 2011; 16(3): 253-261. Acesso em: https://www.scielo.br/pdf/epsic/v16n3/07.pdf
11. Gomes R, Moreira CNM, Nascimento EF, et. al. Os homens não vêm! Ausência e/ou invisibilidade masculina atenção primária. Ciência & Saúde Coletiva. 2011; 16(Supl. 1): 983-992 Acesso: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232011000700030
12. Benazzi AST, Lima ABS, Sousa AP. Pré-Natal masculino: um novo olhar sobre a presença do homem. R. Pol. Públ. 2011; v15, n2, 327-333 jul-dez. Acesso em: https://www.periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/rppublica/article/view/849
13. Figueiredo MGAV, Marques AC. Pré-natal: experiências vivenciadas pelo pai. Cogitare Enferm. 2011 16(4): 70813. Disponível em: https://ojs.c3sl.ufpr.br/ojs/index.php/cogitare/article/view/26126/1735
14. Lopes LCO, Paiva PC, Esmeraldo GROV, et. al. Acessibilidade do homem ao serviço de saúde após a implantação do programa nacional de saúde do homem: uma realidade recente?. Ver. APS. 2013; 16(3):226-233.
15. Carvalho JBL, Brito RS, Santos DLA. Percepção do Homem sobre a atenção recebida dos profissionais que assistem à companheira com síndrome hipertensiva. Cienc Cuid Saúde. 2011; 10(2): 322-329.

Principio de p�gina
error on connection