ENTRAR            

 


 

CULTURA DE LOS CUIDADOS ISSN:1138-1728 3904 2017 n49 r49173

 

 
Teoría y método

 Ir a sumario    Acceso al texto completo

Cultura de los Cuidados
[
Cul Cuid]
2017 sep-dic; XXI(49):
173-181

 Recibido: 18/03/2017
Aceptado: 15/05/2017

Presença de estresse e outros fatores de risco para doenças cardiovasculares em enfermeiros e advogados de um município de Minas Gerais Brasil

Aline Daniele Santana Silva1, Olga de Fátima Leite Rios2, Aline do Carmo França-Botelho3
(1) Graduada em Enfermagem pelo Centro Universitário do Planalto de Araxá (uniaraxá). (2) Professora Mestre do Centro Universitário do Planalto de Araxá (uniaraxá). (3) Professora Doutora do Centro Universitário do Planalto de Araxá (uniaraxá).

Cómo citar este documento:
Silva, Aline Daniele Santana; Rios, Olga de Fátima Leite; França-Botelho, Aline do Carmo. Presença de estresse e outros fatores de risco para doenças cardiovasculares em enfermeiros e advogados de um município de Minas Gerais Brasil. Cultura de los Cuidados. 2017 sep-dic, XXI(49). En: <http://www.index-f.com/cultura/49/49173.php> Consultado el

Resumo

As doenças cardiovasculares (dcv) constituem causa importante de morbidade e mortalidade em todo o mundo. Esse estudo objetivou avaliar o estresse e outros fatores de risco para Dcv em enfermeiros e advogados de um munícipio de Minas Gerais (brasil). A amostra foi composta por 20 enfermeiros da área hospitalar e com 26 advogados autônomos. Cada voluntário respondeu a dois questionários, um sobre fatores de risco para Dcv em geral e o inventário de Sintomas de Stress para Adultos (issl). Após foi verificado o Índice de Massa corporal (imc), a Circunferência Abdominal (ca) e a pressão arterial de cada voluntário. os resultados encontrados indicam que 55% dos enfermeiros e 30,9% dos advogados apresentam estresse. A fase de exaustão é especialmente preocupante, sendo encontrada, respectivamente, em 10% e 11,6% dos enfermeiros e advogados. Os achados referentes ao sobrepeso/obesidade, circunferência abdominal de risco, sedentarismo e ingestão de bebidas alcóolicas são preocupantes, pois elevam os riscos de Dcv na amostra. É possível concluir que há fatores de risco para Dcv e que intervenções são necessárias em prol da saúde e qualidade de vida desses profissionais.
Palavras-chave: Estresse/ Doenças cardiovasculares/ Enfermeiros/ Advogados.
 

Resumen
Presencia de estrés y otros factores de riesgo de enfermedad cardiovascular entre las enfermeras y abogados de una ciudad de Minas Gerais Brasil

Las enfermedades cardiovasculares (ecv) son una causa importante de morbilidad y mortalidad en todo el mundo. Este estudio tuvo como objetivo evaluar el estrés y otros factores de riesgo de las enfermedades cardiovasculares en las enfermeras y abogados de un municipio de Minas Gerais (brasil). La muestra estuvo conformada por 20 enfermeras de la zona hospitalaria y 26 abogados independientes. cada voluntario respondió dos cuestionarios, uno sobre factores de riesgo de las enfermedades cardiovasculares en general y el inventario de Síntomas de Estrés para Adultos (issl). Después se descubrió que el índice de masa corporal (imc), la circunferencia abdominal (ca) y la presión sanguínea de cada voluntario. Los resultados indican que el 55% de las enfermeras y el 30,9% de los abogados presentes estrés. La etapa de agotamiento es especialmente preocupante, de ser encontrado, respectivamente, 10% y 11,6% de las enfermeras y abogados. Los hallazgos relacionados con el sobrepeso / obesidad, circunferencia de la cintura de riesgo, el sedentarismo y la ingesta de alcohol son preocupantes porque aumenta el riesgo de enfermedades cardiovasculares en la muestra. Se concluyó que existen factores de riesgo de Ecv y se necesitan intervenciones para mejorar la salud y calidad de vida de estos profesionales.
Palabras clave: Estrés/ Enfermedades cardiovasculares/ Enfermeras/ Abogados.
 

Abstract
Epresence of stress and other risk factors for cardiovascular disease among nurses and lawyers of a city of Minas Gerais Brazil

Cardiovascular disease (cvd) is an important cause of morbidity and mortality worldwide. this study aimed to evaluate stress and other risk factors for Cvd in nurses and lawyers of a municipality of Minas Gerais (brazil). the sample consisted of 20 nurses from the hospital area and 26 independent lawyers. each volunteer answered two questionnaires, one on risk factors for Cvd in general and the Inventory of Stress Symptoms for Adults (issl). After it was found the body mass index (bmi), abdominal circumference (ac) and blood pressure of each volunteer. The results indicate that 55% of nurses and 30.9% of the lawyers present stress. The exhaustion stage is of particular concern, being found, respectively, 10% and 11.6% of nurses and lawyers. the findings relating to overweight / obesity, waist circumference of risk, sedentary lifestyle and intake of alcohol are worrying because increase the risk of Cvd in the sample. it was concluded that there are risk factors for cvd and interventions are needed to improve health and quality of life of these professional.
Key-words: Stress/ Cardiovascular diseases/ Nurses/ Lawyers.

 

Referências

- Brasil. Ministério da Saúde. (2010). Diretrizes brasileiras de Obesidade. 3 ed. São Paulo: Abeso. - Brasil. Ministério da saúde. (2011). Plano de ações estratégicas para o enfrentamento das doenças crônicas não transmissíveis no Brasil 2011-2022. Disponível em http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/plano_acoes_enfrent_dcnt_2011.pdf.
- Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em saúde. Departamento de Análise de Situação de Saúde. (2010). Saúde Brasil 2009: uma análise da situação de saúde e da agenda nacional e internacional de prioridades em saúde. Brasília: Ministério da Saúde. - Camelo, S.h., & Angerami, E.l.s. (2004). Sintomas de estresse nos trabalhadores atuantes em cinco núcleos de saúde da família. Rev. Latino-am. Enfermagem. 12(1), 14-21.
- Costa, J.r.a., Lima, J.v., & Almeida, P.c. (2003). Stress no trabalho do enfermeiro. Rev Esc Enfermagem Usp. 37(3), 63-71. - Costa, M.f.a.a., & Ferreira, M.c. (2014). Fontes e reações de estresse em advogados brasileiros. Paidéia. 24(57), 49-56.
- Golbidi, S., Frisbee, J.c., & Laher, I. (2015). Crônicas de estresse afeta a cardiovascular sistema: modelos animais e os resultados clínicos. Am J Physiol coração Circ Physiol. 308(12), H1476-98.
- Carvalho, L., & Malagris, L.e.n. (2007). Avaliação do nível de stress em profissionais de saúde. Estud. pesqui. psicol. 7(3), 570-582.
- Lipp, M.e.n. (2000). Manual do Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp (issl). São Paulo: Casa do Psicólogo.
- Lipp, M.e.n. O stress emocional e seu tratamento. (2001). In: Rangé, B. Psicoterapias Cognitivo-comportamentais: um diálogo com a psiquiatria. Porto Alegre: artmed. - Loricchio, T.m.b., & Leite, J.r. (2012). Estresse, ansiedade, crenças de autoeficácia e o desempenho dos bacharéis em Direito. Aval. psicol. 11(1), 37-47.
- Magalhães, F.j., Mendonça, L.b.a., Rebouças, C.b.a., lima, F.e.t., Custódio, I.l., & Oliveira, S.c. (2014). Fatores de risco para doenças cardiovasculares em profissionais de enfermagem: estratégias de promoção da saúde. rev. bras. enferm. 67(3), 394-400.
- Malta, D.c., Cezário, A.c., Moura, L., Morais Neto, O.l., & Silva Júnior J.b. (2006). A construção da vigilância e prevenção das doenças crônicas não transmissíveis no contexto do Sistema Único de Saúde. Epidemiol Serv saúde. 15(3), 47-64.
- Pafaro, R.c., & De Martino, M.m.f. (2004). Estudo do estresse do enfermeiro com dupla jornada de trabalho em um hospital de oncologia pediátrica de Campinas. rev. esc. enferm. Usp. 38(2), 152-160.
- Ruviaro, M.f.s., & Bardagi, M.p. (2010). Síndrome de Burnout e satisfação no trabalho em profissionais da área de enfermagem do interior do Rs. Barbarói. 33(2),194-216.
- Sbc. Sociedade Brasileira de Cardiologia. Vi Diretrizes brasileiras de Hipertensão. (2010). Disponível em http://publicacoes.cardiol.br/consenso/2010/diretriz_hipertensao_associados.pdf.
- Silva, E.a.t., & Martinez, A. (2005). Diferença em nível de stress em duas amostras: capital e interior do estado de São Paulo. Estud. psicol. (campinas). 22(1): 53-61.
- Silva, S.m., Luiz, R.r., & Pereira, R.a. (2015). Fatores de risco e proteção para doenças cardiovasculares em adultos de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil. Rev. bras. epidemiol. 18(2), 425-438.

Pie Doc

 

RECURSOS CUIDEN

 

RECURSOS CIBERINDEX

 

FUNDACION INDEX

 

GRUPOS DE INVESTIGACION

 

CUIDEN
CUIDEN citación

REHIC Revistas incluidas
Como incluir documentos
Glosario de documentos periódicos
Glosario de documentos no periódicos
Certificar producción
 

 

Hemeroteca Cantárida
El Rincón del Investigador
Otras BDB
Campus FINDEX
Florence
Pro-Tesis
Instrúye-T

 

¿Quiénes somos?
RICO Red de Centros Colaboradores
Convenios
Casa de Mágina
MINERVA Jóvenes investigadores
Publicaciones
Consultoría

 

INVESCOM Salud Comunitaria
LIC Laboratorio de Investigación Cualitativa
OEBE Observatorio de Enfermería Basada en la Evidencia
GED Investigación bibliométrica y documental
Grupo Aurora Mas de Investigación en Cuidados e Historia
FORESTOMA Living Lab Enfermería en Estomaterapia
CIBERE Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermería